Caso Edinei Maia: Viúva e mais três pessoas são presas em operação que investiga morte de empresário

edinei maia
Foto: Divulgação

A Polícia Civil deflagou na manhã desta sexta-feira (21), operação Viúva Negra, que investiga a morte do empresário do ramo de marmoraria Edinei Maia. Ele estava desaparecido desde o mês de fevereiro quando foi fazer um orçamento em Vidal Ramos e seu corpo foi encontrado no último Sábado (15) na localidade do Moura, em Canelinha.

De acordo com informações da Polícia Civil, esta é a quarta fase da investigação, que já teve outras pessoas presas e mandados de busca e apreensão cumpridos em diversas cidades catarinenses. Até este momento, nesta manhã foram presas quatro pessoas e sete mandados de busca e apreensão, nos municípios de Brusque e Gaspar.

Ao todo, 20 policiais civis de Brusque e região estão participando da operação policial. A quarta fase da operação ocorre uma semana após a localização do corpo de Edinei em área de mata e de difícil acesso na Serra do Moura, divisa entre os municípios de Brusque e Canelinha.

Publicidade

Entre as pessoas presas está a esposa (viúva) de Edinei.

Foragido

Foto: Divulgação Polícia Civil

A Polícia procura ainda Kaue Hans Becker, que está foragido. Informações podem ser repassadas no telefone (47) 3251-8301 (Whatsapp), (47) 98814-4792 (Ligação e Whatsapp)

Para o elucidar o caso, o Delegado Alex Bonfim Reis marcou uma entrevista coletiva na sede da DIC ( Divisão de Investigação Criminal) para às 14h desta sexta-feira(21).

Comentários


Os comentários serão analisados pelo editor do site e podem ser excluídos caso contenham conteúdo discriminatório, calunioso ou difamador. O nosso objetivo é promover a discussão de ideias entre os internautas. Esteja ciente que comentando aqui você assume responsabilidade pela sua opinião.