Unifebe Vargas Câmara

“Precisamos pensar na comunidade”, diz Eccel na primeira plenária de 2015

Além do chefe do Executivo, diretor do Fórum da Comarca de Brusque, juiz Edemar Leopoldo Schlosser também esteve presente na sessão;

DSCF5142

Foto: Portal ODV –

Brusque – Com um bom público presente, a primeira sessão da Câmara de Vereadores de Brusque em 2015 foi marcada, dentre outras coisas, pela participação dos chefes dos três poderes no plenário, como é costume em todas as esferas legislativas, seja na federal, estadual e municipal, quando ocorre a troca de comando. Ao início da plenária, o novo presidente da Câmara de Brusque, Roberto Prudêncio (PSD) concedeu a palavra ao prefeito da cidade, Paulo Roberto Eccel (PT).

DSCF5143

Foto: Portal ODV

Eccel, durante seu discurso, ressaltou mais de uma dezena de metas para o ano de 2015 e o de 2016, destacando que todas dependem da aprovação do legislativo para saírem do papel. Entre elas, voltou a pedir atenção especial para o financiamento internacional pretendido pela Prefeitura, a fim de viabilizar o Plano de Mobilidade (que contempla a construção de uma nova ponte no centro e parte do anel viário) e, também, o Plano de Habitação Municipal.

“Nós vamos dar passos largos no sentido de melhorar nossa mobilidade (…) nós fazemos parte de partidos políticos, mas precisamos parar e pensar na comunidade”. Paulo de referiu aos embates ocasionados por conta dos polêmicos projetos de origem executiva que tramitam na casa.

O diretor do Fórum da Comarca de Brusque, juiz Edemar Leopoldo Schlosser, em sua breve fala no plenário, se resumiu a agradecer o trabalho realizado até então na Câmara. Destacou, também, alguns números do Judiciário. Alguns deles impressionam:

Processos ativos na Comarca de Brusque: aproximadamente 40 mil;

Processos em 2014: aproximadamente 17 mil novos processos;

Processos julgados em 2014: 9593 processos;

Processos arquivados em 2014: aproximadamente 13 mil;

Após o discurso de Paulo Eccel e Edemar, ambos receberam uma lembrança das mãos do presidente Prudêncio, a fim de firmar a harmonia entre os três poderes independentes.

Publicado por Olhar do Vale

Avalie essa notícia

Os comentários serão analisados pelo editor do site e podem ser excluidos caso contenham conteúdo discriminatório, calunioso ou difamador. O nosso objetivo é promover a discussão de ideias entre os internautas. Esteja ciente que comentando aqui você assume responsabilidade pela sua opinião.