Vigilantes da Prefeitura irão atuar na Praça da Cidadania


 

A Praça da Cidadania, no centro de Brusque, já conta com o auxílio de vigilantes que passam atuar 24 horas no trabalho de prevenção e combate aos delitos, tráfego de drogas e consumo de bebidas alcoólicas de menores. A medida faz parte da reestruturação do local, que ainda este mês recebe os chamados “foods-trucks”, que serão relocados das vias da região central para o estacionamento da praça.

A iniciativa teve apoio da Polícia Militar, que durante esta semana, ministrou palestra com os novos servidores que vão atuar na Praça da Cidadania e em outros pontos da cidade. Segundo o Tenente-coronel Moacir Gomes Ribeiro, comandante do 18º BPM, a medida da prefeitura é positiva e vai auxiliar o trabalho dos policiais que já atuam no centro. “Orientamos os vigilantes como identificar atos infracionais e como abordar pessoas que possam estar envolvidas em algum ato ilícito. Caberá aos servidores em casos mais graves, acionar a PM e nunca enfrentar eventuais criminosos”, finaliza.

Publicidade

A iniciativa de contratar 14 novos vigilantes se deu através de um processo de admissão de caráter temporário (ACT), sendo que quatro foram destinados exclusivamente a praça onde passarão a atuar na escala de trabalho 12/36h, tendo monitoramento permanente. Outros profissionais, que também foram contratados vão atuar em pontos turísticos e equipamentos públicos que necessitam de segurança permanente.
Para o Secretário de Governo e Gestão Estratégica, William Molina, a medida vai proporcionar ainda mais segurança para a comunidade, e mostra a parceria da Prefeitura de Brusque com a Polícia Militar. “Estamos atuando por partes, e a projeto inicial visa atender a Praça da Cidadania, e nossa intenção em breve é levar essa vigilância permanente a outros pontos da cidade”, pontua.

Comentários


Os comentários serão analisados pelo editor do site e podem ser excluídos caso contenham conteúdo discriminatório, calunioso ou difamador. O nosso objetivo é promover a discussão de ideias entre os internautas. Esteja ciente que comentando aqui você assume responsabilidade pela sua opinião.