Diploma não garante nada


Vivemos tempos exponenciais. As mudanças nos atropelam e modificam nossas vidas em questão de dias ou, até mesmo, horas. A tecnologia da informação provoca mudanças profundas na forma como pensamos e agimos. Essa mudança assusta mais ainda quando pensamos na Educação.

Há uma frase fantástica e, absolutamente, verdadeira que expressa o sentimento de pessoas conscientes em relação à Educação. A ela: “Estamos preparando estudantes para exercerem profissões que ainda não foram criadas, para resolver problemas que ainda não existem e para trabalhar com máquinas e equipamentos que sequer temos ideias de como serão”!

Essa frase deveria estar fixada em todas as salas de aula existentes no país; na cabeça de pais, educadores e autoridades de qualquer segmento de um país que pretende ter um futuro.

Publicidade

A resposta proposta pelo questionamento parece-me óbvia. Temos de parar com o adestramento, a “decoreba” e passar a ensinar, desde a mais tenra idade, nossos estudantes a pensar, a sair de situações difíceis usando sua capacidade racional e sua intuição.

Outra figura fantástica que atropela o bom senso e compromete o futuro do país e dos estudantes é a famigerada “progressão automática”. O que queremos? Números para embelezar as estatísticas governamentais, para dizermos que alcançamos a universalidade de estudantes em todos os segmentos? A vergonha vem posteriormente, quando nossos estudantes fazem o exame de PISA e, ficamos constrangidos com os resultados. Os exemplos de que é possível mudar chegam de todos os lugares: Coreia do Sul, Finlândia, Dinamarca e, mais recentemente, Polônia. E não vale dizer que são todos brancos e de olhos azuis, pois os coreanos têm olhos “puxados”. A diferença vem da vontade política, do querer transformar. A Polônia, até ontem abafada por um sistema sufocante, é um exemplo recente e seu sucesso é inequívoco.

E você, meu caro estudante, como se posiciona mediante a realidade que se apresenta? Quer o diploma e entende que ele abrirá todas as portas que se lhe apresentarão? Diploma nada garante! Até pode abrir-lhe a porta, mas não garantirá sua permanência em lugar algum. O que lhe garantirá o futuro, o sucesso na vida, serão as atitudes que você demonstrar perante as situações que se apresentarão e seu conhecimento acumulado ao longo de uma vida escolar, em que, o aprendizado seja seu foco principal. Se ninguém ainda lhe disse, digo eu: “Só você é responsável pelo seu futuro”. Não há caminho fácil para o sucesso!

Comentários


Os comentários serão analisados pelo editor do site e podem ser excluídos caso contenham conteúdo discriminatório, calunioso ou difamador. O nosso objetivo é promover a discussão de ideias entre os internautas. Esteja ciente que comentando aqui você assume responsabilidade pela sua opinião.

O Olhar do Vale é um jornal digital que traz notícias de Brusque, Guabiruba, Botuverá e  região do Vale do Itajaí.

Somos um portal de notícias dedicado aqueles que buscam informação de qualidade,  jornalismo com verdade.