Conta de Luciano Hang no Twitter é “retida” por decisão judicial

Foto: Agência Senado

A conta no Twitter do empresário Luciano Hang, foi retida após decisão judicial nesta quinta-feira (25), a conta no Instagram do brusquense já havia sido bloqueada na terça-feira (26).

O bloqueio aconteceu após o cumprimento de busca e apreensão na casa de Hang e mais sete empresários que participam de um grupo pró-Bolsonaro no WhatsApp após determinação do ministro Alexandre de Moraes do Supremo Tribunal Federal (STF).

Agora, no perfil de Luciano aparece uma mensagem em inglês dizendo que a conta foi retida no Brasil em resposta a uma demanda judicial.

Publicidade

A página no Instagram contava com mais 5,2 milhões de seguidores. O Facebook com quase 500 mil pessoas e o TikTok com mais de 215 mil seguidores. Essas redes também saíram do ar.

Através da assessoria de imprensa Hang se manifestou sobre a decisão judicial, confira a nota na íntegra:

“CENSURA NÃO! Onde está a democracia e a liberdade de pensamento e expressão? Tenho certeza de que este era o objetivo de toda esta narrativa armada contra mim: tentar me calar. Mas sigo tranquilo, pois tenho a consciência limpa e milhões de brasileiros ao meu lado. Desde que me tornei ativista político luto pela liberdade do cidadão e por um Brasil melhor, mais próspero e justo. Seria muito mais cômodo para mim ficar no conforto da minha casa, mas escolhi não me calar diante das atrocidades do nosso país. Vivemos momentos sombrios, mas vamos vencer”

Comentários


Os comentários serão analisados pelo editor do site e podem ser excluídos caso contenham conteúdo discriminatório, calunioso ou difamador. O nosso objetivo é promover a discussão de ideias entre os internautas. Esteja ciente que comentando aqui você assume responsabilidade pela sua opinião.