Policial gravemente ferido: motorista se entrega e diz que não bebeu; testemunhas contestam

Foto: reprodução Facebook -

Foto: reprodução Facebook -
Foto: reprodução Facebook –

Brusque – O motorista que provocou uma colisão entre carro e moto, além de ferir gravemente o cabo PM Marco Aurélio Maçaneiro, se apresentou na Delegacia de Polícia Civil de Brusque na tarde desta segunda-feira, 4 de abril. Trata-se de Cedric Marcelo Rodrigues Neves, 18 anos de idade. Ele esteve junto de seu advogado na DP para prestar depoimento. Para Fernando de Faveri, delegado responsável pelo caso, ele afirmou que foi juntar um celular que havia caído no chão do carro, quando invadiu a pista contrária e colheu a moto que Maçaneiro conduzia.

Relembre:Cabo da Polícia Militar de Brusque tem ferimentos graves em acidente; motorista envolvido fugiu sem prestar socorro

Cedric afirmou, ainda, que não ingeriu bebidas alcoólicas, mesmo tendo recém-saído de duas festas ocorridas na tarde de sábado, 2 de abril, data da colisão. Versão que é contrariada por testemunhas contatadas pela reportagem de Olhar do Vale (ODV). Elas afirmaram categoricamente que viram Marcelo bebendo em uma das comemorações, ocorrida no Bairro Águas Claras.

Publicidade

O delegado está colhendo várias testemunhas que possam auxiliar nas investigações. Se você souber de algo, o procedimento é denunciar, através do número 33550123 ou 197.

De acordo com informações exclusivas obtidas pela reportagem de Olhar do Vale, Cedric estava escondido na casa de um amigo até se apresentar para as autoridades. Um inquérito policial será instaurado para levantar mais informações sobre o ocorrido.

por Wilson Schmidt Junior

Comentários


Os comentários serão analisados pelo editor do site e podem ser excluídos caso contenham conteúdo discriminatório, calunioso ou difamador. O nosso objetivo é promover a discussão de ideias entre os internautas. Esteja ciente que comentando aqui você assume responsabilidade pela sua opinião.