Unifebe Brainyshop

Família de brasileiro preso na Venezuela emite nota, Jonatan foi liberado no sábado

O brasileiro Jonatan Diniz, de 31 anos, que ficou preso na Venezuela por 11 dias, foi expulso da Venezuela na noite de sábado.  A prisão havia sido anunciada no dia 27 de dezembro de 2017. A família de Jonatan mora em Balneário Camboriú e assim que recebeu a noticia da prisão começou a buscar ajuda. Ele já estava na Venezuela a três meses antes de ser preso.  O governo da Venezuela diz que o brasileiro presidiria uma ONG de fachada, mas na verdade membro de uma organização criminosa. O brasileiro e a família negam. A família emitiu uma nota falando do caso.

“A família de Jonatan Diniz vem a público esclarecer que está em contato diário com o mesmo desde sua saída da Venezuela.

Estamos divulgando somente hoje, pois ele já chegou no seu destino e encontra-se seguro. Por precaução e a pedido de Jonatan, não será informado onde ele está.

Agradecemos ao Itamaraty por nos manter em contato com ele, aos amigos, a todos que nos ajudaram através das mídias sociais, e a imprensa que teve papel importante no esclarecimento do caso.”

A família não revela o destino de Jonatan.

Publicado por Olhar do Vale

Avalie essa notícia

Os comentários serão analisados pelo editor do site e podem ser excluidos caso contenham conteúdo discriminatório, calunioso ou difamador. O nosso objetivo é promover a discussão de ideias entre os internautas. Esteja ciente que comentando aqui você assume responsabilidade pela sua opinião.