Secretária de Educação fala dos desafios do ano de 2020


Um ano desafiador para a Secretaria de Educação de Brusque, em virtude da pandemia do novo coronavírus. Diante do cenário, a secretária da pasta Eliane Busnardo Buemo fez uma avaliação do ano, destacando os principais desafios, tendo em vista que boa parte do ano as aulas foram online.

Busnardo falou do trabalho realizado para que os alunos não ficassem sem aulas. “Em 2020, por causa da Covid-19, a secretaria Municipal de Educação de Brusque passou desde de 06/04/2020, com a suspensão das aulas presenciais, a oferecer por meio de 1200 salas virtuais, um ambiente virtual de aprendizagem Moodle, conteúdo para 7.357 alunos. Nesse período aconteceu também a integração do Sistema de Gestão Escolar com o sistema Moodle,” disse.

Os desafios fora para além da sala de aula, mas na gestão da pasta, como explica Eliane. “Ainda na questão pedagógica, ocorreu a efetivação da proposta pedagógica da rede municipal por meio da sondagem pedagógica realizada de forma uniforme com alunos do primeiro ao nono ano, com o objetivo de avaliar a aprendizagem por meio das habilidades essenciais de cada ano. A proposta pedagógica da rede municipal também foi entregue, de forma impressa, ao prefeito municipal,” explicou.

Publicidade

Mais ações
Durante todo o período as formações continuadas foram oferecidas por meio de Webnar e lives, totalizando até o momento 64.489 visualizações.

Por meio do programa Busca Ativa foram realizadas 34 visitas domiciliares, com o intuito de fortalecer o vínculo família escola, realizadas pela assessora pedagógica e assistente social da Secretaria Municipal de Assistência Social.

Os gestores das unidades escolares realizaram um total de 327 visitas domiciliares com o intuito de conhecer e atuar no sentido de resgatar a participação dos alunos nas atividades não presenciais.

O núcleo de apoio multiprofissionais de educação inclusiva realizou ações de orientação e formação.

A Secretaria de Educação e a Secretaria de Orçamento e Gestão elaboraram uma metodologia para o planejamento, execução e controle das despesas com a educação, promovendo o maior gerenciamento e transparência das ações e resultados alcançados

A Secretaria Municipal de Educação entregou desde o início das atividades não presenciais, aproximadamente, 40 mil kits alimentação para todos os alunos da rede municipal.

Reforma e conclusão de obras da nova escola de ensino fundamental Nova Brasília; reforma da antiga sede da escola de ensino fundamental Nova Brasília que passará a atender somente educação infantil, ampliando a oferta de vagas para 2021

Conclusão do CI Rio Branco, ampliando a oferta de vagas para 2021

Anúncio da construção do CI Marli Terezinha Boos, ampliando a oferta de vagas para 2021 Andamento da reforma do CI Clara Maria Furtado

Conclusão das reformas e adequações do CI Sofia Dubiela,

Construção do muro do CI Laura Cattani

Construção de novas salas na escola de ensino fundamental Alberto Preti,

Construção da nova cozinha da escola de ensino fundamental Geogirna de Carvalho Ramos da Luz

Reforma de telhado e construção do muro da escola de ensino fundamental Vendelino Winis

Reforma do telhado da escola de ensino fundamental José Vieira Corte.

Construção de quadras de esporte cobertas nas escolas de ensino fundamental Angelo Donini, Alexandre Merico, Rio Branco, Cedro Alto, bem como a cobertura do pátio da escola de ensino fundamental Angelo Dognini.

Comentários


Os comentários serão analisados pelo editor do site e podem ser excluídos caso contenham conteúdo discriminatório, calunioso ou difamador. O nosso objetivo é promover a discussão de ideias entre os internautas. Esteja ciente que comentando aqui você assume responsabilidade pela sua opinião.

O Olhar do Vale é um jornal digital que traz notícias de Brusque, Guabiruba, Botuverá e  região do Vale do Itajaí.

Somos um portal de notícias dedicado aqueles que buscam informação de qualidade,  jornalismo com verdade.