Polícia de Brusque apreende produtos desviados de empresa de São Paulo

4 mil mantas foram desviadas do processo de produção de outra empresa;


A Polícia Civil, por meio da Divisão de Furtos e Roubos de Brusque, realizou operação conjunta com a Receita Estadual de Itajaí, com objetivo de fiscalizar empresas de Brusque que estariam desviando produtos na linha de produção e revendendo no mercado paralelo, mediante o uso de CNPJ inexistente ou inapto.

Na tarde desta terça-feira (20), duas empresas foram fiscalizadas, sendo uma no bairro Santa Terezinha e outra no bairro Dom Joaquim, além do cumprimento de mandado de busca e apreensão na residência de um dos investigados, no bairro Guarani.

Em uma das empresas foram apreendidos produtos de origem ilícita, possivelmente de uma empresa do ramo têxtil que foi vítima de desvio no seu processo de produção, além de produtos encartados com CNPJ inapto. Uma pessoa foi conduzida à Delegacia para prestar esclarecimentos.

Publicidade

Essas mesmas empresas são investigadas pela Divisão de Furtos e Roubos de Brusque pelo desvio de aproximadamente 4 mil mantas de uma empresa de São Paulo, crimes ocorridos no mês de março do corrente ano.

A Receita Estadual instaurou procedimentos fiscais para apurar eventual prática de sonegação tributária.

A operação contou com o apoio da Delegacia da Comarca de Brusque e Divisão de Investigação Criminal de Brusque.

Comentários


Os comentários serão analisados pelo editor do site e podem ser excluídos caso contenham conteúdo discriminatório, calunioso ou difamador. O nosso objetivo é promover a discussão de ideias entre os internautas. Esteja ciente que comentando aqui você assume responsabilidade pela sua opinião.