Passados 88 anos, deputada Vanessa da Rosa é a segunda mulher negra a assumir vaga na Alesc

Rosa assume passados 88 anos após a posse do primeiro mandato da deputada catarinense Antonieta de Barros (1935 - 1937)


Em solenidade na Assembleia Legislativa de Santa Catarina, a professora Vanessa da Rosa (PT) é a segunda mulher negra a assumir vaga na Alesc, passados 88 anos após a posse do primeiro mandato da deputada catarinense Antonieta de Barros (1935 – 1937). O evento de posse ocorreu nesta quinta-feira (19) na Alesc, em Florianópolis, e contou com a presença da vereadora Marlina Oliveira (PT).

A vereadora Marlina Oliveira falou da importância do ato. “Sem sombra de dúvidas, este é um momento muito importante e histórico para o estado de Santa Catarina e para toda a representação da luta antirracista, da luta pela igualdade, pela inclusão, da luta pelas mulheres. Então, o que acontece hoje é um marco extremamente importante,” disse

Oliveira destacou ainda como essa representatividade é importante para a política catarinense. “Depois de Antonieta de Barros, a professora Vanessa, uma mulher negra, assume a cadeira de deputada na Alesc. Isso é muito representativo e diz muito sobre o que nós esperamos de um futuro político, inclusivo às mulheres no nosso estado. É uma representatividade de suma importância e, com certeza, é um marco,” esclareceu

Publicidade

Mandato
Rosa assume o lugar do deputado estadual Padre Pedro (PT), que se licenciou pelo período de um mês. Vanessa permanece no cargo até 20 de novembro, Dia da Consciência Negra. A deputada é ex-secretária da Educação de Joinville, a nova legisladora disputou as eleições em 2022, tendo conquistado 16.832 votos.

Comentários


Os comentários serão analisados pelo editor do site e podem ser excluídos caso contenham conteúdo discriminatório, calunioso ou difamador. O nosso objetivo é promover a discussão de ideias entre os internautas. Esteja ciente que comentando aqui você assume responsabilidade pela sua opinião.