OSB Brusque recebe veículo 0KM da Vara Criminal da Comarca de Brusque

O automóvel 0KM foi adquirido com verba do Poder Judiciário da Comarca de Brusque, provenientes de Edital de Penas Pecuniárias - recursos pagos ao judiciário após condenações em crimes de menor potencial ofensivo.

Foto: Divulgação

O presidente do Observatório Social de Brusque (OSB Brusque), Evandro Carlos Gevaerd, recebeu na manhã desta segunda-feira, 27 de novembro, das mãos do Juiz da Vara Criminal da Comarca de Brusque, Dr. Edemar Leopoldo Schlösser, as chaves do novo veículo da entidade, que será utilizado nas atividades de monitoramento de obras públicas e também nas ações educação fiscal e cidadania.

O automóvel 0KM foi adquirido com verba do Poder Judiciário da Comarca de Brusque, provenientes de Edital de Penas Pecuniárias – recursos pagos ao judiciário após condenações em crimes de menor potencial ofensivo. A aquisição do veículo 0 km (Hatch Compacto) foi através de licitação do tipo menor preço global. 

Até agora, os voluntários e consultores utilizaram seus próprios veículos para os deslocamentos nas escolas de Brusque, Guabiruba e Botuverá e também no monitoramento de obras. Segundo o Presidente da entidade, isso  causava uma certa limitação.

Publicidade

“São carros familiares e em algumas vezes aquela agenda não poderia ser cumprida em função da necessidade da família precisar do carro. Agora, com essa autonomia, creio que vamos conseguir avançar bastante nas nossas agendas e naquilo que a gente se propõe a fazer”, explica. 

Para ele, trata-se de mais um sonho realizado. “É um sonho de muito tempo que agora se concretiza, graças a sensibilidade e entendimento do Dr. Edemar, que nos deu esse voto de confiança. Vamos honrá-lo, apresentando resultados bem positivos para a sociedade como um todo”, enfatiza. 

Segundo Dr. Edemar, é muito importante poder contribuir, devido ao belo trabalho realizado pelo OSB Brusque. “Agora, com essas verbas pecuniárias que foram distribuídas, a gente pode atender a um dos projetos, que era a compra desse veículo. Isso nos deixa lisonjeados porque o Poder Judiciário sempre está aí para contribuir. Nós tivemos esse ano uma distribuição de quase R$ 1 milhão para várias entidades, uma delas o Observatório”, comenta.

Comentários


Os comentários serão analisados pelo editor do site e podem ser excluídos caso contenham conteúdo discriminatório, calunioso ou difamador. O nosso objetivo é promover a discussão de ideias entre os internautas. Esteja ciente que comentando aqui você assume responsabilidade pela sua opinião.