Operação Lei Seca retornará com tudo em fevereiro


Sem título
Foto: ilustração ODV

Os beberrões de plantão que já estavam tranquilos com a diminuição das operações Lei Seca realizadas nas principais vias de Brusque podem começar a se preocupar. Elas prometem retornar com toda a força a partir do mês de fevereiro. A informação foi repassada pelo chefe do setor de trânsito do 18º Batalhão de Polícia Militar (BPM), correspondente à Brusque, Guabiruba, Botuverá, Gaspar e Ilhota, major PM Otávio Manoel Ferreira Filho.

De acordo com o oficial, a principal causa do afrouxo nos últimos meses foi a falta de efetivo disponível, não só da Polícia Militar, com também das demais forças de segurança que atuam junto nas intervenções no trânsito, como o Instituto Geral de Perícias (IGP), Corpo de Bombeiros Militar e Guarda de Trânsito de Brusque (GTB). “Em janeiro não é possível começar, pois, vários policiais estão no litoral para a operação veraneio, mas em fevereiro voltaremos nos mesmos moldes com as operações Lei Seca”, afirma.

A Operação Lei Seca: Se Beber Não Dirija, seu verdadeiro nome, consiste na mobilização de instituições como Polícia Militar, Bombeiros, IGP, Tiro de Guerra e Guarda de Trânsito de Brusque (GTB), a fim de realizar um pente fino nas principais ruas de Brusque em um horário e local determinado. As blitzen têm como intuito flagrar casos de pessoas que insistem em dirigir sob influência de álcool, infringindo assim o artigo 306 do Código de Trânsito Brasileiro.

Publicidade

Quem for pego em tal situação poderá ganhar uma pesada multa e, até mesmo, ser preso e conduzido até a delegacia de Polícia Civil, liberado apenas sob fiança.

Comentários


Os comentários serão analisados pelo editor do site e podem ser excluídos caso contenham conteúdo discriminatório, calunioso ou difamador. O nosso objetivo é promover a discussão de ideias entre os internautas. Esteja ciente que comentando aqui você assume responsabilidade pela sua opinião.