Banco de coleta de leite “Amamenta Brusque” necessita de doadoras


Devido ao período de férias o banco de coleta de leite humano Amamenta Brusque registrou uma baixa significativa no número de doadoras. “Precisamos muito da doação, pois este leite é utilizado para alimentar bebês prematuros”, explica a enfermeira Sheila Neves.

No ano passado foram arrecadados 235,1 litros de leite, sendo que cada pote doado por alimentar até 10 recém-nascidos por dia. Dependendo do peso do prematuro, um mililitro já é o suficiente para nutri-lo a cada vez que ele for alimentado.

Sheila lembra que a produção do leite depende do esvaziamento da mama. “Por isso, quanto mais a mulher amamenta ou esvazia as mamas, mais leite ela produz. Nós vamos nas casas das doadoras semanalmente, orientamos como fazer a ordenha, disponibilizamos os frascos e buscamos o leite”, explica.

Publicidade

Todo leite doado é analisado, pasteurizado e submetido a um rigoroso controle de qualidade antes de ser ofertado a um bebê internado. “Com ele a criança se desenvolve com saúde, tem mais chances de recuperação e fica protegida de infecções, diarreias e alergias.”

Para ser doadora basta entrar em contato com o Amamenta Brusque no segundo andar do Centro de Serviços em Saúde, ou pelo telefone (47) 3255-6800. A equipe realiza atendimento, também, para mulheres que estejam com alguma dificuldade ou possuam dúvidas em relação à amamentação.

Por que amamentar é importante?

O leite materno protege de infecções, como diarreia, pneumonia, e otite e, caso a criança adoeça, a gravidade da doença tende a ser menor. O aleitamento também previne doenças futuras como asma, diabetes e obesidade, além de favorecer o desenvolvimento físico, cognitivo e emocional.

O esforço que a criança faz para retirar o leite do peito é um exercício importante para a boca e para os músculos do rosto e repercutirá positivamente na respiração, na mastigação, na deglutição, na articulação da fala e no alinhamento dos dentes.

A amamentação também faz bem à saúde da mulher. Reduz as chances de câncer de mama, de ovário e endométrio e também diabetes tipo 2. Quanto mais tempo a mulher amamentar maiores serão os benefícios para a saúde.

*Com informações do Ministério da Saúde

Notícias de Brusque e Região.

Comentários


Os comentários serão analisados pelo editor do site e podem ser excluídos caso contenham conteúdo discriminatório, calunioso ou difamador. O nosso objetivo é promover a discussão de ideias entre os internautas. Esteja ciente que comentando aqui você assume responsabilidade pela sua opinião.