“Nós temos que entupir as cadeias de presos”, diz Comandante-geral da PM-SC


foto (1)

A polícia militar (PM) de Brusque recebeu na manhã desta sexta-feira (4) a visita do comandante-geral da PM em Santa Catarina, Coronel Nazareno Marcineiro. O objetivo da visita do coronel foi fazer a tradicional inspeção no quartel do 18º batalhão em Brusque. Foi a primeira inspeção realizada. Durante a visita, o comandante avaliou vários ítens que permeiam o trabalho policial na nossa cidade. ” O que nós buscamos é homogenizar a gestão em todo o estado de Santa Catarina”, afirma Marcineiro.

O comandante concedeu entrevista coletiva à imprensa e respondeu todas as perguntas dos jornalistas. Uma das perguntas realizadas foi sobre a falta de mais policiais no efetivo da polícia.  Ele afirmou que este é um dos grandes desafios da polícia.

Publicidadeessências florais

Durante a coletiva, a reportagem Olhar do Vale questionou o coronel sobre o inchaço nos presídios, onde mostra que há muito mais presos do que vagas nas cadeias. Ele disse que a polícia militar está fazendo bem o seu trabalho. “O que compete a PM, estamos fazendo um excelente trabalho. Esta questão da superlotação diz respeito a outros órgãos. Nós temos que entupir a cadeia de presos, por isso estamos fazendo um excelente trabalho”, explica.

Comentários


Os comentários serão analisados pelo editor do site e podem ser excluídos caso contenham conteúdo discriminatório, calunioso ou difamador. O nosso objetivo é promover a discussão de ideias entre os internautas. Esteja ciente que comentando aqui você assume responsabilidade pela sua opinião.