Guabiruba é convidada para apresentar Programa de Alimentação Escolar em seminário regional


Dois nutricionistas da Secretaria de Educação de Guabiruba estiveram nessa terça-feira, 12, em Florianópolis para apresentar o Programa de Alimentação Escolar de Guabiruba em um seminário regional.

evento foi organizado pela Epagri, entidade responsável pelo convite a Guabiruba. Elisa Cristina Vidotto Bruns e Marcelo Bauer Carlini explicaram aos participantes as particularidades do projeto que é executado em Guabiruba e que integra o Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE).


Nosso município era o único entre os presentes que compra alimentos diretamente dos pequenos agricultores locais. Conforme Elisa, a grande maioria executa o PNAE comprando os ingredientes através de cooperativas. “Nosso modelo é um pouco mais trabalhoso, mas os resultados são excelentes.

Publicidade

Um dos motivos é o fato de termos certeza de onde vêm os alimentos que oferecemos para as nossas crianças”, afirma.


Elisa acrescenta ainda que a Prefeitura tem hoje 21 fornecedores no município, todos pequenos agricultores familiares. Para facilitar, foi criado um centro de distribuição. “Dessa forma, todos entregam seus produtos nesse centro e a Prefeitura se encarrega de distribuir para as escolas. Essa é outra diferença dos outros municípios, em que cada fornecedor tem que levar seu produto em cada escola”, compara Elisa.


Segundo ela, o programa guabirubense foi muito bem recebido pelos outros participantes do seminário. “Além de fornecermos uma alimentação de boa procedência e boa qualidade aos nossos alunos, nós também favorecemos a produção local e garantimos que os recursos permaneçam no nosso município”, completa.


O seminário aconteceu no Centro de Treinamento da Epagri, na capital, no Bairro Itacorubi, com uma agenda das 9h às 16h em que prevaleceu a troca de ideias e experiências entre as prefeituras com o objetivo de aprimorar o PNAE.

Comentários


Os comentários serão analisados pelo editor do site e podem ser excluídos caso contenham conteúdo discriminatório, calunioso ou difamador. O nosso objetivo é promover a discussão de ideias entre os internautas. Esteja ciente que comentando aqui você assume responsabilidade pela sua opinião.