Família decide doar órgãos de vítima de aneurisma e descobre covid-19


O município de Brusque registrou nesta quarta-feira (24) o óbito de uma paciente de 48 anos, moradora do bairro Santa Rita. Ela estava na UTI desde ontem (terça-feira, 23), ao dar entrada na unidade de terapia intensiva com cefaleia intensa e ter um aneurisma.

Como a paciente estava em protocolo de morte cerebral para doação de órgãos, foi realizado a coleta PCR para Covid-19 e o resultado acabou dando positivo. Ela não apresentava comorbidades.

Boletim epidemiológico

PublicidadeORATÓRIA EM SANTA CATARINA


O município chegou nesta quarta-feira a 385 casos confirmados. Destes, 176 estão ativos e 209 pessoas estão recuperadas. Há quatro pacientes internados na enfermaria, nenhum na UTI.

A orientação é que todas as pessoas que apresentarem sintomas da doença (tosse, coriza, catarro, febre e falta de ar) procurem o Centro de Triagem de Sintomáticos Respiratórios, que está em funcionamento no Pavilhão da Fenarreco, entre 7h e 19h, de segunda a sexta-feira.

O número (47) 9 8848 1054, que atende exclusivamente pela plataforma WhatsApp, está disponível para esclarecimento de dúvidas e informações sobre a doença.

Nota do Hospital Azambuja

O Hospital Azambuja esclarece que a paciente que teve óbito confirmado nesta quarta-feira, 24 de junho, e que atestou positivo para Covid-19, estava em protocolo de investigação de morte cerebral. O protocolo de morte encefálica não é exclusivamente destinado à doação de órgãos, ele é realizado para assegurar o direito desse diagnóstico à família.

Comentários


Os comentários serão analisados pelo editor do site e podem ser excluídos caso contenham conteúdo discriminatório, calunioso ou difamador. O nosso objetivo é promover a discussão de ideias entre os internautas. Esteja ciente que comentando aqui você assume responsabilidade pela sua opinião.