Brusque vence Figueirense e está na grande final da Copa SC

Tricampeão da competição, a equipe vai definir o título de campeão contra o Hercílio Luz

Foto Lucas Gabriel Cardoso/Brusque FC

O Bruscão novamente está na final da Copa SC. Tricampeão da competição, a equipe vai definir o título de campeão contra o Hercílio Luz após vencer o Figueirense por 4 a 0 no estádio Valério Gomes Netto, em São João Batista. Na ida, o Bruscão já havia vencido por 3 a 2, fora de casa, finalizando o confronto em 7 a 2 no agregado.

Eliomar, Hélio Paraíba, Jefferson Renan e Weverton fizeram os gols da partida, que teve ótimo público, com a torcida lotando toda a arquibancada do estádio batistense.

O Hercílio, próximo adversário do Brusque, garantiu a classificação após empatar em casa com o Tubarão. No jogo de ida, a equipe havia vencido por 1 a 0.

Publicidade

Os dois times se enfrentam nos dois próximos domingos. O primeiro jogo será em São João Batista, com o segundo e decisivo confronto no fim de semana seguinte, em Tubarão. Além do título da Copinha, o campeão ainda garante vaga na Copa do Brasil de 2019.

O jogo

O Bruscão dominou o primeiro tempo. O primeiro gol saiu aos 20 minutos após ótima jogada de Jefferson Renan. Destaque da partida, o camisa 11 deitou e rolou em cima do lateral Alessandro, que chegou a ser substituído no intervalo de jogo.

Na jogada do gol, o atacante fintou o adversário e bateu com categoria. A bola desviou na trave e bateu nas pernas de Eliomar antes de entrar: 1 a 0.

O segundo gol não demorou. Três minutos depois, após Vinicius fazer grande defesa ao sair nos pés de Hélio Paraíba, o próprio camisa 9 balançou as redes logo na sequência.

Em cobrança de escanteio, ele subiu mais alto que a zaga alvinegra e marcou o segundo de cabeça. Foi o quarto do jogador nos dois confrontos contra o Figueirense, que só deu o primeiro chute a gol aos 34 minutos. Antes do intervalo, a equipe alvinegra ainda descontou com Mateus, mas o juiz anulou o lance, auxiliado pelo bandeirinha do jogo que viu um toque de mão na jogada.

Etapa final
No segundo tempo, o Figueirense voltou com duas mudanças, mas de nada elas surtiram efeito. O Bruscão continuou dominando o jogo. O terceiro gol não demorou. Jefferson Renan invadiu a área e tirou do bom goleiro Vinicius para fazer o terceiro: 3 a 0.

Aos 33 minutos, ainda deu tempo de Weverton fazer o quarto. Um golaço. O atacante, que havia acabado de entrar na vaga de Hélio Paraíba, fez fila na zaga do Figueira é só tocou para as redes com categoria: 4 a 0 e vaga garantida na finalíssima.

Notícias de Brusque e Região.

Comentários


Os comentários serão analisados pelo editor do site e podem ser excluídos caso contenham conteúdo discriminatório, calunioso ou difamador. O nosso objetivo é promover a discussão de ideias entre os internautas. Esteja ciente que comentando aqui você assume responsabilidade pela sua opinião.