Espetáculo Metades promove reflexões sobre a vida


Quem já sentiu que há uma parte que falta. Sentiu-se incompleto ou até mesmo pela metade? O Filho de Mil Homens, A Dama e o Tigre e A parte que Falta são contos literários que inspiraram o espetáculo de contação de histórias Metades, criado e apresentado pelo professor Emiliano Daniel de Souza, e que abordam justamente o sentir-se pela metade. As apresentações iniciaram na sexta-feira, 16, na Escola Municipal de Educação Básica Osvaldo Ludovico Fuckner, no bairro Lageado Baixo e seguem até 29 de novembro.

O espetáculo, contemplado com o Fundo Municipal de Apoio à Cultura, que incentiva os talentos guabirubenses a realizarem seus projetos, integra a programação do Natal Mágico de Guabiruba 2018 e leva a arte de contar histórias para outro tipo de espectador: os adultos. “Eu percebo que boas histórias agradam todos os públicos”, comenta Emiliano.

Publicidade

Os três contos retratam seres humanos como eles são, com seus defeitos, qualidades e escolhas. “Os personagens são cheios de anseios e vontades. Cada um está à procura de algo e em todos há uma parte que falta. Os caminhos que percorrem e as escolhas que fazem resultam em envolventes e instigantes narrativas que revelam o que somos capazes e onde podemos chegar”, pontua o professor.

Concentrado, o estudante Leonardo Stedile, de 15 anos, acompanhou a atuação e chamou sua atenção a possibilidade dele mesmo escolher o final para um dos contos. “Gostei bastante desse projeto e espero que tenha mais”, disse. Já o professor Braian Felipe Hochsprung destacou a promoção da cultura para esse público e a reflexão sobre a vida. “A história que mais me tocou foi a primeira, do homem que era só metade. Deu até uma vontade de chorar”, disse.

O envolvimento do público com as histórias foi uma das marcas do espetáculo. Conforme a superintendente da Fundação Cultural de Guabiruba, Jucilene Regina Schmidt, esse é o último projeto contemplado com recursos do Fundo Municipal de Apoio à Cultura apresentado em 2018. “É mais um projeto que fomenta a cultura da cidade e com a ideia de levar essa arte para os bairros, promovendo mais acesso a ela”, ressalta Jucilene.

Ela também reforça que Metades está na programação do Natal Mágico de Guabiruba. A programação completa pode ser conferida no site guabiruba.sc.gov.br.

Próximas Apresentações:

  • Dia 20, terça-feira – 19h30 no Salão da Capela Sagrado Coração de Jesus, Planície Alta
  • Dia 21, quarta-feira – 19h30 na Escola Municipal Paulo Schmidt, Pomerânia
  • Dia 22, quinta-feira – 15h no Centro de Atendimento Psicossocial (CAPS), Guabiruba Sul
  • Dia 27, terça-feira- 15h30 na Unidade Básica de Saúde do Imigrantes
  • Dia 28, quarta-feira – 19h30 no Ginásio de Esportes da Escola Padre Germano Brandt, Aymoré
  • Dia 29, quinta-feira – 19h30 no Salão da Comunidade Luterana, Lorena, São Pedro

Notícias de Brusque e Região.

Comentários


Os comentários serão analisados pelo editor do site e podem ser excluídos caso contenham conteúdo discriminatório, calunioso ou difamador. O nosso objetivo é promover a discussão de ideias entre os internautas. Esteja ciente que comentando aqui você assume responsabilidade pela sua opinião.