Mulher fica atolada na área de alargamento da praia em Balneário Camboriú

Foto: Reprodução Corpo de bombeiros

Uma mulher ficou atolada nesta terça-feira (26) até a cintura após ignorar área restrita e sinalizada de obras do alargamento da Praia Central em Balneário Camboriú.

Ela não se feriu e ficou presa por uma das pernas até a altura da cintura.

Segundo os trabalhadores que estavam no local, a mulher estava acompanhada de uma amiga e foi alertada sobre a permanência no local, mas teria ignorado os avisos. Ela afundou e ficou presa na areia mole.

Publicidadelm MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO BRUSQUE

A mulher foi retirada por um bombeiro, utilizando uma corda. Ela foi puxada por ele e chegou a se arrastada em um determinado momento para sair do local.

O trecho onde foi registrado o atolamento faz parte da área interditada pela prefeitura, que vai da Rua 4000 até pouco antes do Pontal Norte.

Segundo a administração municipal, episódios de atolamento na areia podem ocorrer, caso a região seja invadida, porque a estabilização do solo ainda é feita no trecho interditado. Por conta disso, a área está demarcada e sinalizada.

Comentários


Os comentários serão analisados pelo editor do site e podem ser excluídos caso contenham conteúdo discriminatório, calunioso ou difamador. O nosso objetivo é promover a discussão de ideias entre os internautas. Esteja ciente que comentando aqui você assume responsabilidade pela sua opinião.

O Olhar do Vale é um jornal digital que traz notícias de Brusque, Guabiruba, Botuverá e  região do Vale do Itajaí.

Somos um portal de notícias dedicado aqueles que buscam informação de qualidade,  jornalismo com verdade.