Mês da Juventude: a importância do hábito de poupar desde jovem


Mesada, primeiro emprego, bolsas de pesquisas e até aquele dinheiro como forma de presente em datas especiais. Muitos jovens hoje já têm uma renda mensal mesmo sem trabalhar, enquanto outros buscam um emprego para conquistar a tão sonhada independência financeira. E o que fazer com esse dinheiro pode transformar o futuro de muita gente.

No mês da Juventude, a Viacredi, cooperativa do Sistema Ailos, ressalta a importância de aprender a investir desde cedo para alcançar objetivos. “Muitos jovens querem viver o agora, mas é preciso pensar no futuro, ter um foco e trabalhar para conquistar os objetivos”, destaca o especialista em investimentos da Viacredi Eduardo Edart.

O especialista diz que o jovem precisa saber o que quer, “se bens materiais, como celular ou carro ou uma viagem, por exemplo”. Definido o objetivo, ele pode escolher entre investimentos de curto, longo ou médio prazo. Para isso, conta Eduardo, é importante saber qual é o perfil do jovem como investidor.

Publicidade

“A pessoa pode ser jovem e ter um perfil conservador, então é melhor optar por investimentos de baixo risco, como a poupança”, exemplifica. Eduardo conta que na Viacredi os cooperados conseguem realizar um teste simples para identificar o perfil investidor de cada um antes mesmo de fazer qualquer aplicação.

Para começar, Eduardo sugere que o jovem faça uma “reserva de emergência” que seja equivalente entre 3 e 6 meses da sua renda mensal. “Ainda que pareça desafiador montar essa reserva, certamente lhe proporcionará muita tranquilidade em momentos financeiros adversos.

Eduardo ainda indica que a partir dessa reserva, o jovem cria o hábito de poupar e depois consegue escolher o melhor investimento para atingir o seu objetivo, seja ele qual for.

Investir para realizar sonhos

É o que faz a cooperada Giovana Martins, de Blumenau. Aos 18 anos, está há dois meses em seu primeiro emprego. Já no primeiro salário decidiu investir em uma poupança para realizar seu sonho assim que se formar no curso Odontologia: abrir uma clínica para crianças.

Para ela, o fato de morar com os pais e não ter despesas com aluguel e alimentação, por exemplo, é um privilégio que vai ajudar na conquista do seu objetivo. “Assim posso guardar e investir mais”, comemora.

Influenciada pela mãe e pelo namorado, ela se tornou cooperada na Viacredi e com as informações sobre educação financeira disponível no PROGRID e com os especialistas da cooperativa, passou a utilizar a conta poupança para aplicar seu dinheiro. “O importante é ter foco. Agora pode não fazer tanta diferença o dinheiro que estou guardando, mas tenho certeza de que no futuro eu vou conseguir realizar o meu sonho com a decisão de poupar que tomei agora”, conta.

Sobre a Viacredi  

Maior cooperativa de crédito do Brasil, a Viacredi é uma cooperativa do Sistema Ailos, com mais de 900 mil cooperados, presença em 30 municípios de Santa Catarina e Paraná, 109 Postos de Atendimentos e mais de 2 mil colaboradores. São mais R$ 11,9 bilhões em ativos, R$ 7,8 bilhões em operações de crédito e mais R$ 8,5 bilhões em depósitos totais. Constituída em 1951, a Cooperativa tem como propósito unir pessoas para transformar vidas, sempre comprometida com os princípios cooperativistas, com seus cooperados e com as comunidades onde está presente. Para mais informações: www.viacredi.coop.br.

Comentários


Os comentários serão analisados pelo editor do site e podem ser excluídos caso contenham conteúdo discriminatório, calunioso ou difamador. O nosso objetivo é promover a discussão de ideias entre os internautas. Esteja ciente que comentando aqui você assume responsabilidade pela sua opinião.