Itajaí gera mais de 5 mil vagas de emprego no primeiro semestre de 2022


Nos seis primeiros meses do ano, foram geradas 5.154 vagas na cidade em diversos segmentos, conforme dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged). O número, que considera as admissões x demissões, coloca o Município entre os quatro maiores geradores de emprego em Santa Catarina no período, atrás de Blumenau (6.570), Joinville (6.254) e Florianópolis (5.768).

Além do desempenho positivo no primeiro semestre, a cidade registrou saldo positivo de empregos no mês de junho: ao todo, foram geradas 566 vagas. Com isso, Itajaí ficou na terceira posição no Estado entre as cidades com mais de 200 mil habitantes, atrás apenas de Joinville (1.411) e Chapecó (590).

Já em relação às cidades da Associação dos Municípios da Região Foz do Rio Itajaí (Amfri), o Município desponta no topo do ranking de geração de empregos no primeiro semestre deste ano. Na comparação com o segundo colocado, o saldo de vagas de Itajaí é 50% maior no período.

Publicidade

“Esses números são reflexo do dinamismo da nossa economia, que vem se diversificando e expandindo. Temos conseguido, em conjunto com a iniciativa privada, criar a solidez necessária para atrair investimentos e é isso que tem elevado o número de contratações. Temos tudo para chegar próximo do índice alcançado no ano passado, quando batemos o recorde histórico em geração de empregos com carteira assinada”, destaca o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Edson Bastos.

Comentários


Os comentários serão analisados pelo editor do site e podem ser excluídos caso contenham conteúdo discriminatório, calunioso ou difamador. O nosso objetivo é promover a discussão de ideias entre os internautas. Esteja ciente que comentando aqui você assume responsabilidade pela sua opinião.

O Olhar do Vale é um jornal digital que traz notícias de Brusque, Guabiruba, Botuverá e  região do Vale do Itajaí.

Somos um portal de notícias dedicado aqueles que buscam informação de qualidade,  jornalismo com verdade.