Balneário Camboriú proíbe Caixas de som de qualquer tamanho em praias e locais públicos


O prefeito Fabrício Oliveira publicou nesta quarta-feira (29) decreto proibindo o uso de
equipamentos sonoros que causem perturbação do sossego público em Balneário Camboriú.

O decreto leva em conta a necessidade de garantir o bem-estar público e a qualidade de vida
coletiva, além do combate à poluição sonora em espaços públicos e de uso coletivo.

“A fiscalização da Prefeitura está atenta na praia e nos locais públicos onde o uso de caixas de som, de qualquer tamanho, esteja perturbando o sossego público e essas pessoas serão autuadas conforme o código de posturas do Município, que prevê, também, a apreensão do equipamento. A fiscalização do Município tem ouvido nas abordagens que as pessoas não tem consciência de que isso é proibido aqui em Balneário Camboriú, mas este decreto deixa agora bem claro que sim”, explica o prefeito Fabrício Oliveira.

Comentários


Os comentários serão analisados pelo editor do site e podem ser excluídos caso contenham conteúdo discriminatório, calunioso ou difamador. O nosso objetivo é promover a discussão de ideias entre os internautas. Esteja ciente que comentando aqui você assume responsabilidade pela sua opinião.

O Olhar do Vale é um jornal digital que traz notícias de Brusque, Guabiruba, Botuverá e  região do Vale do Itajaí.

Somos um portal de notícias dedicado aqueles que buscam informação de qualidade,  jornalismo com verdade.