Unifebe Vargas Neni

Guabiruba intensifica ações contra o câncer de mama durante o Outubro Rosa

 

equipes-do-sintrivest-com-as-novas-camisetas

As camisetas cor de rosa, o laço símbolo da luta contra o câncer de mama, palestras orientativas e as ações durante o Outubro Rosa tem um objetivo: chamar a atenção para o câncer de mama, maior causa de mortes cancerígenas entre as mulheres, principalmente dos 40 aos 69 anos. A boa notícia é que 80% dos tumores são descobertos pela própria mulher com o autoexame e se identificados no início, tem cura.

 

No entanto, muitas vezes por vergonha ou por medo, as mulheres não descobrem e não tratam a doença, por isso a campanha Outubro Rosa tem como propósito abordar o assunto naturalmente e com ênfase na prevenção.

 

Em Guabiruba, os profissionais da saúde enfeitaram as unidades básicas e vestem uma camiseta da campanha com o laço para destacar o Outubro Rosa. Na quinta-feira, 13, às 19h, o Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias do Vestuário de Brusque e Guabiruba (Sintrivest) realiza na Câmara Municipal de Vereadores a palestra “Câncer de Mama – um resumo”, com o médico radiologista Gustavo Gunz Correia. As inscrições devem ser feitas pelos telefones 3351 – 1373 ou 3351-6997.

 

Antes da palestra serão distribuídas gratuitamente as camisetas da campanha estampadas com nomes de atrizes, cantoras, jornalistas, profissionais da moda que venceram o câncer. “A ideia foi estampar nomes de mulheres que passaram por essa situação e superaram o câncer de mama. Gente que foi atrás do tratamento, fez o que era preciso ser feito. Elas nos mostram que é possível vencer o câncer se o diagnóstico chegar ainda no início e se o tratamento acontecer de forma adequada”, explica a presidente do Sintrivest, Marli Leandro.

 

Gincana para conscientizar

 

No dia 19 de outubro, a partir das 13h30, no Salão da Igreja São Cristóvão, bairro Aymoré, será promovida uma gincana entre as unidades de saúde e a população. “Serão realizadas atividades recreativas abordando o tema. Também haverá transporte para o deslocamento partindo das unidades”, destaca a coordenadora do Núcleo de Apoio à Saúde da Família (NASF), fonoaudióloga Cristiane Monestel.

 

Em Guabiruba, são realizadas aproximadamente 30 mamografias mensais, pela Secretaria Municipal de Saúde, exame indicado para mulheres a partir dos 50 anos de idade ou antes em caso de câncer de mama na família e há quatro mulheres lutando contra a doença via Sistema Único de Saúde, através da Secretaria Municipal de Saúde.

 

O exame de mama é realizado pelo profissional enfermeiro nas unidades de saúde pode ser feito pela própria mulher. Durante os meses de maio, junho e julho, em que o Caminhão do SESC Saúde Mulher esteve no município realizou 618 mamografias.

 

Mais informações na sua Unidade Básica de Saúde.

 

 

Autoexame

 

No espelho

Coloque as mãos na cintura e observe o formato, tamanho e contorno de suas mamas (observe se estão iguais, simétricas). Veja se existem pregas, depressões ou alterações na pele da mama, aréola e mamilo.

Coloque as mãos para o alto e fique atenta aos mesmos sinais de igualdade da pele já descritos.

É uma oportunidade única de observar sua simetria mamária. Observe se as mamas estão alinhadas, assim como as aréolas e mamilos. Eles deverão sempre estar na mesma linha. Observe se o sutiã faz marca só em uma mama, e qual é o local para verificar se há edema (inchaço).

 

No chuveiro

Ensaboe bem as mamas e axilas, deste modo suas mãos percorrerão melhor e facilitará o exame. Coloque o braço atrás da nuca, coluna reta e com a ponta dos dedos percorra todas as áreas da mama em movimentos circulares de fora para dentro, procurando por espessamentos ou caroços. Use a mão direita para examinar a mama esquerda e vice-versa. Você também poderá realizar esse exame fora do chuveiro, com maior atenção.

Os movimentos circulares devem ocorrer da parte externa superior da mama (perto da axila) em direção ao mamilo, de modo firme, mas delicado.

Mamilos e Aréolas: Pressione suavemente os mamilos e observe com cuidado a presença de secreções e a presença de lesões na sua pele sensível, assim como nas aréolas.

Axilas: Elas também fazem parte do tecido mamário, e devem ser examinadas do mesmo modo que as mamas. Realize movimentos circulares da mama para axila, observando a presença de caroços na região.

 

Deitada

Coloque um apoio sob o ombro direito (pode ser um travesseiro ou toalha) e a mão direita atrás da cabeça. Examine sua mama direita com a mão esquerda, repetindo os movimentos circulares.

Repita esse passo com o lado esquerdo.

Publicado por Olhar do Vale

Avalie essa notícia

Os comentários serão analisados pelo editor do site e podem ser excluidos caso contenham conteúdo discriminatório, calunioso ou difamador. O nosso objetivo é promover a discussão de ideias entre os internautas. Esteja ciente que comentando aqui você assume responsabilidade pela sua opinião.