Unifebe Vargas TEVAH

Fórum se reúne com prefeito e ouve que convênios serão cortados

Uma nova reunião entre as duas partes foi marcada para o mês de abril;

Foto: divulgação -

Foto: divulgação –

Brusque – Uma reunião entre integrantes do Fórum de Entidades Sindicais de Trabalhadores de Brusque e região e o prefeito Jonas Oscar Paegle discutiu sobre a situação do setor de saúde na cidade de Brusque. O encontro foi realizado no gabinete do prefeito na tarde desta segunda-feira, 13 de março. Participaram da reunião, ainda, o secretário da pasta, Humberto Fornari, o diretor de gabinete Dirceu Marchiori, e a subprocuradora do município, Mariele Heil.

O prefeito recebeu das mãos dos sindicalistas os apontamentos feitos nas visitas a unidades básicas de saúde, realizadas pelo Fórum em 17 de fevereiro. Problemas como falta de médicos, enfermeiros e material de expediente foram relatados, bem como a demora na realização em procedimentos, queixas corriqueiras e que aumentaram nas entidades por parte dos associados.

O secretário da Saúde disse que a pasta foi herdada com uma série de problemas, principalmente de ordem financeira. Dividas a serem pagas e licitações não iniciadas na gestão anterior fizeram com que muitos dos serviços tivessem continuidade, justificou ele. Além disso, o limite da folha de pagamento da Prefeitura vem impedindo que se contrate funcionários que estão em falta nas unidades básicas.

Uma notícia pegou de surpresa os sindicalistas e gerou inquietude. O próprio Fornari anunciou que os convênios entre a Prefeitura e as entidades sindicais, em que pacientes associados são atendidos nos sindicatos e encaminhados ao Sistema Único de Saúde (SUS), vai ser totalmente paralisado. O motivo é uma alteração na legislação que rege convênios feitos pelos municípios, bem como a falta de recursos para manter os serviços.

Uma nova reunião entre as duas partes foi marcada para o mês de abril, para que se discute a saída. Isso porque o fim dos convênios faria com que milhares de pessoas que são atendidas nos sindicatos fossem deslocadas para as UBS.

por Assessoria de Imprensa

Publicado por Olhar do Vale

Avalie essa notícia

Os comentários serão analisados pelo editor do site e podem ser excluidos caso contenham conteúdo discriminatório, calunioso ou difamador. O nosso objetivo é promover a discussão de ideias entre os internautas. Esteja ciente que comentando aqui você assume responsabilidade pela sua opinião.