Unifebe Vargas TEVAH

São João Batista: Duda retorna a direção do Hospital Municipal Monsenhor José Locks

Rudilene Hermes, ou Duda, como é mais conhecida, assumiu a direção do hospital pela primeira vez em agosto de 2015;

Foto: divulgação -

Foto: divulgação –

Brusque – A partir desta segunda-feira, 16 de janeiro, o Hospital Municipal Monsenhor José Locks, em São João Batista, voltará a contar com os trabalhos da diretora Rudilene Hermes, de 37 anos de idade.

Duda, como é mais conhecida, assumiu a direção do hospital pela primeira vez em agosto de 2015 e ficou até o fim de agosto de 2016. Casada com Claudemar da Silva, com quem tem um filho, Duda destaca que apesar de não ser do ramo da saúde, visitava o hospital constantemente e em 2014 conseguiu, inclusive, uma emenda de R$ 60 mil com o suplente de deputado estadual, Altair Silva. “Sigo com o mesmo compromisso de quando assumi pela primeira vez: lutar por uma saúde de qualidade para todos. Quando deixamos o hospital, eram atendidas em torno de 700 pessoas por semana no hospital, uma média de 100 pacientes por dia. Avançamos muito, mesmo diante da crise enfrentada por todo o país e dos muitos desafios”, relatou.

A diretora descreve que está muito feliz em retornar, pois com um grupo de funcionários relativamente pequeno que o hospital possui, em torno de 100 profissionais, são mantidos um número grande de atendimentos, que já ultrapassou 4 mil por mês.

Duda lembra que em 2016 chegaram a nascer oito bebês em um só dia. “Foi uma correria, mas é ao mesmo tempo gratificante. Tínhamos uma média de 30 nascimentos por mês”, informou.

por Assessoria de Imprensa

Publicado por Olhar do Vale

Avalie essa notícia

Os comentários serão analisados pelo editor do site e podem ser excluidos caso contenham conteúdo discriminatório, calunioso ou difamador. O nosso objetivo é promover a discussão de ideias entre os internautas. Esteja ciente que comentando aqui você assume responsabilidade pela sua opinião.