Unifebe Vargas Câmara

Rogério dos Santos afirma que governo estadual é negligente com Brusque

Em pronunciamento nesta terça feira, 21, o vereador Rogério dos Santos (PSD) comentou notícia veiculada pela rádio Cidade a respeito das dificuldades financeiras enfrentadas pela Polícia Militar de São João Batista. Naquele município, faltam recursos até mesmo para o abastecimento de veículos e a corporação corre o risco de paralisar suas atividades. De acordo com o texto, “não há verba, e nem crédito junto aos postos de combustível. O governo do Estado está devendo, e os postos já determinaram que não irão mais abastecer as viaturas da PM”.
“É mais uma das infindáveis histórias que retratam a negligência do Estado para com suas obrigações constitucionais”, criticou Santos, afirmando em seguida que Brusque já atravessou situações semelhantes, quando os órgãos de Segurança Pública no município precisaram pedir ajuda para garantir a prestação de serviços à população.
Ele destacou a importância do Fundo de Melhoria da Polícia Militar (Fumpom) e do Fundo de Reaparelhamento do Corpo de Bombeiros (Funrebom), criados por lei “para garantir o aparelhamento e a manutenção da PM e do Corpo de Bombeiros quando não era mais possível esperar pelo governo do Estado”.
Para o parlamentar, o Executivo estadual trata com descaso o município de Brusque, o qual contribui significativamente com a economia catarinense, haja vista sua arrecadação tributária. Ele salientou, ainda, a precariedade de infraestrutura e recursos humanos do Instituto Geral de Perícias (IGP), outro órgão estadual em funcionamento na cidade, e sugeriu ao prefeito Jonas Paegle (PSB) que seja criado para o IGP um fundo semelhante ao Fumpom e o Funrebom.
Em aparte, Claudemir Duarte, o Tuta (PT), também rechaçou a postura do governador em relação a Brusque, argumentando que Raimundo Colombo só dispensa atenção ao município em época de campanha eleitoral. Nilson Pereira (PSB), também em aparte, disse que os representantes do PMDB em Brusque farão chegar à gestão estadual as reivindicações de Santos.
Por sua vez, Deivis da Silva, o Deivis Jr. (PMDB), anunciou uma audiência, em Florianópolis, entre membros do PMDB, o presidente da Associação Empresarial de Brusque (Acibr), Halisson Habitzreuter, e o secretário de Segurança Pública do Estado, César Augusto Grubba, para tratar das demandas de Brusque relativamente à área.

Publicado por Olhar do Vale

Avalie essa notícia

Os comentários serão analisados pelo editor do site e podem ser excluidos caso contenham conteúdo discriminatório, calunioso ou difamador. O nosso objetivo é promover a discussão de ideias entre os internautas. Esteja ciente que comentando aqui você assume responsabilidade pela sua opinião.