Unifebe Vargas Neni TEVAH

“Os comissionados podem retornar aos poucos”, afirma secretário

Em entrevista, o secretário de Governo e Gestão Estratégica Leônidas Pereira explica as exonerações na prefeitura de Brusque a partir do dia 11

 

leonidas

Foto: arquivo –

O Secretário de Governo e Gestão Estratégica da Prefeitura de Brusque, o advogado Leônidas Pereira, foi entrevistado pelo jornalista Anderson Vieira sobre a notícia que pegou todo mundo de surpresa: As exonerações do primeiro escalão e cargos comissionados da prefeitura de Brusque.  Em entrevista, o secretário falou da economia que se pretende fazer, mas também disse, que comissionados podem voltar aos poucos.

Olhar do Vale: Secretário, por que houve o comunicado sobre a exoneração por Whatsapp?

Leônidas Pereira: Bom, Anderson, as exonerações atingiram todos os comissionados, absolutamente todos. Inclusive os que você falou, os secretários, né? Tínhamos programado uma reunião com os secretários, mas eu antecipei pelo WhatsApp que é um programa que utilizamos no primeiro escalão. Eu antecipei ali.

A Administração Municipal havia tomado a decisão de fazer esse plano de contenção orçamentária e uma das medidas seria a exoneração de absolutamente todos os cargos comissionados. O prefeito municipal e o gabinete já haviam tomado esse tipo de decisão desde maio do ano passado. Já havia sido feita uma contenção de R$ 7 milhões, pra ser diluído do orçamento. Em setembro foram tomadas decisões de diminuição das gratificações, mais a mudança dos horários.

Tudo isso aí visando diminuir os custos e agora no linear da abertura do ano foram tomadas essas decisões pela administração no sentido de contenção de recursos, para que essa contenção se identificasse com o nosso plano de governo. Até então a Prefeitura vinha aplicando o plano de governo do ano passado, do prefeito cassado. E agora a gente vai implementar o nosso plano de governo. E isso vai ser feito com muita austeridade e com respeito ao dinheiro público.

ODV: Então todos os secretários, primeiro escalão, superintendentes e também diretores de autarquias serão todos exonerados?

Leônidas  Pereira: Vão ser todos exonerados e paulatinamente, na medida em que se for necessário, vão ser todos readmitidos ou recolocados.  A Prefeitura, por exemplo, não pode ficar sem Procurador Geral, sem Chefe de Gabinete, sem Secretário de Educação, sem a Secretaria da Saúde. Obviamente todos vão retornar aos seus cargos, oportunamente.

ODV: Exatamente esse é o questionamento que gostaríamos de fazer. Quem vai ficar aí na secretaria e quem deve sair.? O senhor deu uma declaração no jornal que tem servidores capacitados para exercer essa função. Alguns servidores efetivos serão galgados ao cargo de secretário? Como vai funcionar essa dinâmica?

Leônidas Pereira:  Quero primeiramente fazer um elogio aos funcionários efetivos. Eles são de alto gabarito. Nesse ponto a Prefeitura está muito bem servida. Então o prefeito vai nomear para que respondam nesse período pelas respectivas pastas, né? Até que seja nomeado, então, um cargo comissionado.

ODV: Quais os secretários que devem deixar as pastas e quem deve assumir?

Leônidas Pereira: Essa informação eu não tenho. Vai ser uma decisão tomada pelo prefeito. Em resolução, até mesmo, com o colegiado, com os aliados políticos em um momento oportuno. Não sou eu que vou decidir. Inclusive eu também vou ser exonerado a partir do dia 11. Isso foi uma especulação por conta desse print do WhatsApp. Isso era pra ser um informação restrita ao nosso grupo e que infelizmente alguém de nós acabou divulgando antecipadamente para a imprensa e isso aí causou uma certa euforia no setor da imprensa, no setor político e até entre os comissionados. Mas posso dizer para o senhor o seguinte: está tudo muito bem planejado, a gente vem estudando essa questão há bastante tempo né? E agora é o momento. E foi eu que tomei primeiro conhecimento de tudo, até porque cabe a minha parte de Gestão Estratégica. Se fosse uma questão da Educação seria o Secretário de Educação, se fosse da Sáude seria a Secretária de Saúde, mas como é uma questão de Gestão, coube a mim responder.

ODV: Secretário, se o objetivo maior é economia, quanto se pretende economizar com essa mudança? Logicamente alguns secretários vão deixar a pasta, servidores efetivos podem vir assumir por um período, mas esses cargos podem vir a serem enxugados, também?

Leônidas  Pereira: A gente constatou que na máquina administrativa  tem muitos cargos comissionados. Um exagero, até. O que o prefeito pretende é enxugar as despesas. A gente sabe da realidade nacional hoje, né? O buraco que o Governo Federal colocou. A gente tem que fazer as devidas adequações. O prefeito fez isso pensando na comunidade. O dinheiro todo tem que ser gerenciado com cautela, prudência, transparência e parcimônia.

ODV: O senhor falou também que por um tempo determinado talvez algum até voltem a assumir um cargo de secretário. Então essa decisão é por curto período, secretário?

Leônidas Pereira: O primeiro impacto vai ser uma boa economia de aproximadamente R$ 1 milhão. Segundo o Secretário de Orçamento, já vai ser aproveitado na Secretaria de Educação, Saúde, Infraestrutura. A gente está com um problema de infraestrutura devido a todas as chuvas, enchente, enchurrada. Então nós tivemos que tomar essas medidas aí. Respondendo a tua pergunta: certamente os secretários que estão sendo saindo são de altíssimo gabarito. Estão contribuindo muito com o município.

ODV: Obrigado pela sua entrevista.

Leônidas Pereira: Faço questão de esclarecer e como eu disse: O governo de Roberto Pedro está aplicando uma outra plataforma de governo já estabelecido, um orçamento já estabelecido. A partir deste ano já tivemos condições de redimensionar, avaliar e escolher os melhores técnicos. A nossa ideia é avaliar a capacidade técnica de cada secretário, diretor. Vai ser por meritocracia e não só por indicações políticas. Essa é a ideia. Acima de tudo a contenção de custos. Essa é a nova da Prefeitura de Brusque.

por Anderson Vieira

Publicado por Olhar do Vale

Avalie essa notícia

Os comentários serão analisados pelo editor do site e podem ser excluidos caso contenham conteúdo discriminatório, calunioso ou difamador. O nosso objetivo é promover a discussão de ideias entre os internautas. Esteja ciente que comentando aqui você assume responsabilidade pela sua opinião.