Unifebe Vargas Neni TEVAH

Lojas maçônicas ligadas a Grande Loja de Santa Catarina promovem campanha pelo voto cidadão

O Objetivo é orientar as pessoas a votarem de forma consciente.

 outdoor1

As pessoas que circulam em Brusque já devem ter percebido uma campanha de outdoor, que está espalhada em vários bairros da cidade, chamando a atenção da população para o voto consciente. A frente desta campanha está a Muito Respeitável Grande Loja de Santa Catarina.

 

A Muito Respeitável Grande Loja de Santa Catarina é uma Associação Civil de caráter científico-filosófico, filantrópica e apartidária, fundada em Florianópolis em 21 de abril de 1956.

 

Aqui em Brusque duas lojas maçônicas estão jurisdicionadas a Grande Loja: Harmonia Brusquense nº61, que tem 20 anos de fundação e Caminho da Luz nº 99, que tem cinco anos. São elas que estão a frente desta campanha na cidade.

 

Nos outdoors podem ser encontradas frases como estas:

  • Não vendam seu voto;
  • Não votem em branco nem anulem seu voto;
  • Não votem em quem quer comprar seu voto;
  • Não elejam políticos antiéticos e de comportamento descomprometido com moral;
  • Não apoiem candidatos oportunistas, interessados em enriquecer ilicitamente, no exercício no exercício de mandatos eletivos.

 

O Olhar do Vale se encontrou com os veneráveis mestres (termo utilizado para quem responde pela loja maçonica) em uma sala no centro de Brusque e os questionou sobre a iniciativa.

 

De acordo com eles, a campanha se originou a partir de três dias de reuniões ocorridas durante a Assembleia Geral da Confederação da Maçonaria Simbólica do Brasil, os 27 grão-mestres das Grandes Lojas Brasileiras aprovaram em 30 de julho deste ano a Carta de Belo Horizonte que institui a campanha pelo voto cidadão.  “E em vista disso, nossa Grande Loja achou por bem fazer a divulgação da campanha A campanha não tem cunho político nenhum, é uma conscientização na hora de votar”, afirma um dos veneráveis mestres.  Confira a carta de Belo Horizonte:

 

“A Confederação da Maçonaria Simbólica do Brasil – CMSB, instituição que congrega as Grandes Lojas Maçônicas de todos os

Carta aberta de Belo-Horizonte

Carta aberta de Belo-Horizonte

Estados Brasileiros e do Distrito Federal, reunida na XLIII Assembleia Geral Ordinária, no período de 26 a 30 de julho de 2014, em Belo Horizonte-MG, manifesta-se, contundentemente, no sentido de:

 

CONCLAMAR
1. Os brasileiros, em especial os eleitores, para que, com vistas ao fortalecimento da democracia e para restituir a credibilidade na legítima representação política decorrente do exercício do voto:
– não vendam o seu voto;
– não votem em branco nem anulem seu voto;
– não votem em quem quer comprar seu voto;
– não elejam políticos antiéticos e de comportamento descomprometido com a moral;
– não apoiem candidatos oportunistas, interessados em enriquecer ilicitamente, no exercício de mandatos eletivos;
– acompanhem e participem, ativamente, das ações que têm sido empreendidas em favor da decência nas relações sociais.

 

2. Que os futuros mandatários atuem de acordo com os princípios constitucionais da legalidade, probidade e moralidade administrativa e, principalmente, mostrem comprometimento com a solução dos problemas do povo brasileiro;

REITERAR
Sua firme disposição de seguir participando das iniciativas destinadas a coibir a impunidade e erradicar a corrupção;

CIENTIFICAR
Às autoridades constituídas que as Grandes Lojas Maçônicas Confederadas continuarão adotando posturas junto à sociedade a fim de esclarecer o verdadeiro significado da cidadania, assumindo o compromisso de exercê-la em sua plenitude, utilizando-se, inclusive, dos meios de comunicação;

ALERTAR
À sociedade brasileira e aos entes estatais constituídos que patrocinará projeto de lei de iniciativa popular com o objetivo primordial de neutralizar a corrupção e erradicar a impunidade;

CONVIDAR
A população a aderir aos movimentos em curso, e aos que virão, visando o aperfeiçoamento das regras institucionais que legitimam e consolidam o Estado Democrático de Direito”.

 

Ao todo serão espalhados 21 outdoors que vão até a época das eleições e devem se estender ao segundo turno das eleições.  Mas o internauta pode estar se perguntando, o que é maçonaria?

“Maçonaria é uma instituição sem fins lucrativos  que tem por objetivo o aperfeiçoamento das pessoas. São escolhidos para a maçonaria homens livres e de bons costumes. Para ser maçom a pessoa precisa ser convidada e seu nome deve ser aprovado em todas as lojas no território nacional”, afirmam.

A entidade atua também no lado social e entende que isso não precisa ser divulgado, ou seja, o que uma mão dá, a outra não

Fachada da Muito Respeitável Grande Loja de Santa Catarina situada em Florianópolis

Fachada da Muito Respeitável Grande Loja de Santa Catarina situada em Florianópolis

precisa ficar sabendo. “A entidade ajuda, faz muita filantropia e não divulgamos isso”, comentam.

 

Eles afirmam que para ser aceito na maçonaria você deve acreditar em um ser superior.

 

Segundo os veneráveis mestres, a maçonaria sempre se manifestou nos bastidores e agora tomou a iniciativa, nesta campanha, de fazer um apelo para o voto consciente: “Em função de tudo que está havendo, hoje o candidato corrupto vai ali e compra o voto por R$ 5 então a gente quis começar o movimento para dizer que não vale a pena vender o voto. O povo também se acostumou a vender o seu voto. Tem gente esperando essa época  para ganhar alguma vantagem. Esse é o motivo da campanha:  para o corrupto e para o corruptor”, analisam.

 

A maçonaria tem, entre seus membros, pessoas dos mais variados segmentos profissionais inclusive políticos. Os veneráveis mestres foram questionados qual a conduta se no meio deles aparecer um político corrupto. Eles foram enfáticos: “Ele é expulso e já tivemos exemplos  disso” e afirmam: “Quando o político foi iniciado na maçonaria ele fez um juramento e se ele não seguir a orientação ele vai se sentir fora do caminho . Ele próprio deverá se envergonhar do seu comportamento e se ele não se desligar será desligado”, concordam.

 

Para finalizar, eles deixaram uma mensagem: “Que o povo vote consciente , pois hoje você vê o horário político parece que está tudo resolvido e não é verdade. Nós devemos eleger candidatos dignos de nos representar”.

 

Publicado por Olhar do Vale

Avalie essa notícia

Os comentários serão analisados pelo editor do site e podem ser excluidos caso contenham conteúdo discriminatório, calunioso ou difamador. O nosso objetivo é promover a discussão de ideias entre os internautas. Esteja ciente que comentando aqui você assume responsabilidade pela sua opinião.