Unifebe Brusque Vargas Têxtil

Igreja Assembleia de Deus recebe moção pelos 86 anos em Itajaí

Além da moção, foram aprovados oito requerimentos.

32506257464_0995daee80_h

Foto: Valdir Spudaro – CVI –

Itajaí – A Câmara de Vereadores de Itajaí aprovou com 19 votos favoráveis a Moção 5/2017. De autoria do vereador Fernando do Ônibus (PDT), a homenagem é de congratulação e reconhecimento à Igreja Assembleia de Deus de Itajaí pelos 86 anos de fundação.

A Assembleia de Deus de Itajaí teve origem no dia 15 de março de 1931, quando a visita do pastor André Bernardino da Silva a uma tia se transformou em um culto de adoração a Deus. Depois disso, a instituição se espalhou por toda Santa Catarina.

Requerimentos

Vereador solicita mais efetivo policial para Itajaí
O vereador Vanderley Dalmolin (PMDB) é autor do Requerimento nº 70/2017, aprovado com 19 votos favoráveis. O parlamentar solicita ao governador e ao secretário de Estado de Segurança Pública o deslocamento de policiais militares para Itajaí, tendo em vista a chamada de novos agentes de segurança, que deve ocorrer nos próximos meses.

Vereador pede que policiais militares sejam lotados em Itajaí
Com 19 votos favoráveis foi aprovado o Requerimento nº 75/2017, de autoria do vereador Tonho da Grade (PP). Tendo em vista a divulgação de formação de 1084 novos policiais militares, o parlamentar pede que seja lotado na cidade de Itajaí o maior número possível destes agentes de segurança. O requerimento é direcionado ao governador do Estado de Santa Catarina, Raimundo Colombo, ao coronel Paulo Henrique Hemm, comandante-geral da Polícia Militar do Estado de Santa Catarina, ao tenente-coronel Ronaldo de Oliveira, comandante do 1° Batalhão de Polícia Militar de Itajaí, e à Comissão de Segurança Pública do Estado de Santa Catarina da Assembleia Legislativa.

Vereador solicita intensificação de rondas no bairro São Judas
O Requerimento nº 76/2017, de autoria do vereador Murilo Pereira (PP), foi aprovado com 18 votos favoráveis. O parlamentar solicita ao 1º Batalhão de Polícia Militar que sejam intensificadas as rondas no bairro São Judas, principalmente no trecho que compreende a rua Indaial até a rua José Eugênio Muller.

Comissão pede unificação de projetos de lei
O Requerimento nº 79/2017, de autoria da Comissão de Legislação, Justiça e Redação final, foi aprovado com 18 votos favoráveis. A comissão pede ao presidente da Câmara de Itajaí, vereador Paulinho Amândio (PDT), que unifique os seguintes projetos de lei: Projeto de Lei Complementar nº 02/2017, Projeto de Lei Complementar nº 03/2017; Projeto de Lei Complementar 04/2017 e Projeto de Lei Complementar 05/2017. O pedido de unificação é em virtude de os projetos tratarem de assuntos conexos – alterações no Código Tributário Municipal. Os integrantes da Comissão de Legislação, Justiça e Redação final são os vereadores Thiago Morastoni (PMDB) – presidente, Fernando Pegorini (PP) – vice-presidente e Fabrício Marinho (PPS) – relator.

Vereador solicita reforço de rondas no bairro Ressacada
O vereador Marcelo Werner (PCdoB) é o autor do Requerimento nº 80/2017, aprovado com 18 votos favoráveis. O parlamentar pede ao comandante do 1º Batalhão de Polícia Militar de Itajaí que intensifique as rondas ostensivas nas proximidades da rua João Dalmolin, bairro Ressacada.

Vereador solicita informações sobre monitoramento de fontes alternativas de água
O Requerimento nº 91/2017, do vereador Calinho Mecânico (PP), foi aprovado com 17 votos favoráveis. O parlamentar pergunta ao prefeito quais bicas d’água de Itajaí são monitoradas e qual a periodicidade da análise laboratorial nessas fontes. Calinho questiona também se o resultado dessas análises é divulgado e, em caso negativo, se existe possibilidade de divulgar os resultados no site do Semasa e da Prefeitura.

Vereador faz questionamentos sobre demanda de atendimentos de saúde em Itajaí
O vereador Robison Coelho (PSDB) é o autor do Requerimento nº 93/2017, aprovado com 16 votos favoráveis. Robison pergunta ao prefeito qual é a demanda reprimida de consultas, exames e cirurgias na Rede Municipal de Saúde. O parlamentar também questiona qual a ordem de preferência de exames, consultas e cirurgias e se há alteração na ordem, de acordo com a gravidade de cada caso. O vereador quer saber ainda por qual razão a determinação do Ministério Público para a divulgação das listas de espera das cirurgias não está sendo cumprida.

Vereador questiona Executivo sobre oferta de terapias alternativas pelo SUS
O vereador Fernando do Ônibus (PDT) é autor do Requerimento nº 25/2017, aprovado com 18 votos favoráveis. O parlamentar questiona o Executivo Municipal se existe previsão de oferecer terapias pelo Sistema Único de Saúde (SUS) como homeopatia, plantas medicinais e fitoterapia, medicina tradicional chinesa e naturopatia. Estes procedimentos foram aprovados em janeiro de 2017 com a Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares (PNPIC).

por Assessoria de Imprensa

Publicado por Olhar do Vale

Avalie essa notícia

Os comentários serão analisados pelo editor do site e podem ser excluidos caso contenham conteúdo discriminatório, calunioso ou difamador. O nosso objetivo é promover a discussão de ideias entre os internautas. Esteja ciente que comentando aqui você assume responsabilidade pela sua opinião.