Unifebe Vargas Câmara

Ponte Arthur Schlösser será reaberta parcialmente neste sábado (2)

Visita Ponte (23)
A Prefeitura de Brusque comunicou nesta quinta-feira (31) que fará a reabertura em meia pista da Ponte Arthur Schlösser neste sábado (2). O ato ocorreu após visita técnica acompanhada pela imprensa diretamente na estrutura da ponte.
Na oportunidade, o prefeito Jonas Paegle, o vice Ari Vequi, e representantes do DGI e da Secretaria de Obras fizeram um balanço de todo o trabalho realizado no local até o momento e quais são os próximos passos para o restabelecimento total da estrutura.
Obra dividida em etapas
O engenheiro e fiscal da obra por parte do poder público, Renato de Borba, diz que para que a entrega parcial pudesse ser feita neste sábado foi escolhido o sistema de proteção das vigas para garantir estabilidade da estrutura. “Esse processo foi finalizado agora. Com essa conclusão de serviço vamos liberar para veículos leves numa pista e semana que vem vamos iniciar a recuperação da ponte”, destaca.
O engenheiro responsável da Engedal Construtora, Patric Dalmolin, ressaltou que de certa forma tratava-se de uma obra complicada porque não havia conhecimento de como a estrutura se comportaria por se tratar de uma estrutura antiga e a empresa não ter acesso ao seu projeto inicial.
A melhor opção, conforme explica, foi dividir a obra por etapas. A primeira foi dar segurança para a estrutura. Reforçamos as vigas e com isso fizemos o escoramento da ponte para o pessoal poder trabalhar nas fundações que é a segunda etapa, que são feitas na estaca raiz. São quatro estacas raiz, uma para cada pilar existente. Depois vamos fazer o bloco e reconstruir o pilar”, explica.
Segundo ele, já na próxima semana iniciam os trabalhos de fundação com grande movimentação na obra e trabalho de balsas no rio. A expectativa é de que a entrega total da estrutura seja feita em torno de 100 dias.
As obras da ponte começaram no dia 17 de julho e estão sendo realizadas por meio de recursos federais, através do Ministério da Integração Nacional. O município conseguiu recursos na casa de 1,3 milhões através do Decreto de Situação de Emergência em razão das últimas cheias que danificaram um dos pilares da ponte. “É uma obra feita 100% com recursos federais, sem nenhum centavo do município, Todo o valor que sobrar será devolvido à União”, observa o prefeito Jonas Paegle.
Ele e o vice Ari Vequi chegaram a lembrar nesta quinta da visita que fizeram a Brasília para buscar os recursos. “Eu e o Ari lutamos muito para conseguir essa verba em Brasília. Por isso estamos muitos felizes”, destaca.
Ari ressalta todo o esforço que está sendo feito para que a obra seja entregue o quanto antes,  atendendo todos os critérios de segurança que a estrutura exige. “Demoramos 45 dias para chegar neste momento importante, os outros 45 perdemos só na burocracia. Mas estamos satisfeitos porque é uma obra importante que está sendo realizada por uma grande empresa, com experiência nesse tipo de situação, e que tem todo o conhecimento técnico necessário para executar esse projeto”.

Publicado por Olhar do Vale

Avalie essa notícia

Os comentários serão analisados pelo editor do site e podem ser excluidos caso contenham conteúdo discriminatório, calunioso ou difamador. O nosso objetivo é promover a discussão de ideias entre os internautas. Esteja ciente que comentando aqui você assume responsabilidade pela sua opinião.