Unifebe Vargas

“A família tem um vínculo com as manifestações religiosas”, diz Paulo Kons

O historiador é entrevistado pelo Olhar do Vale sobre a Semana da Família que acontece em Brusque.

???????????????????????????????

 

O Grupia é o grupo de proteção da criança e do adolescente, eles têm várias ações e trabalhos em prol da unidade familiar. A partir desta terça-feira (15), no Dia Internacional da Família, acontecerá o evento promovido por eles intituladoSemana da Família. O seu objetivo é passar mensagens de união, amor, respeito e compreensão necessárias para o desenvolvimento infantil. Um dos organizadores, o conselheiro tutelar, Paulo VendelinoKons, explica ao Olhar do Vale sobre as metas e os ideais do evento.

 

ODV – O que será a semana da família e quem a está organizando?

Kons – A Semana da Família é realizada pelo Grupo de Proteção da Infância e Adolescência, integrado por dezenas de organizações da sociedade civil, pelo poder público, pela igreja católica, pelo Conselho de Pastores de Brusque pela igreja evangélica de confissão luterana, que têm como foco e objetivo sensibilizar a todos sobre a importância da família. A capacidade educadora da família é decisiva, não só para nós indivíduos, mas para um conjunto de todos os seres humanos. Então o Grupia chama a todos para uma reflexão para entenderem o quantoé importante nos assegurarmos que a família possa cumprir a sua missão de educar as crianças.

 

ODV – Qual o papel da religião na família moderna?

Kons – É importante deixar claro que a família antecede ao estado, portanto ao poder público e suas leis. A família tem um vínculo com as manifestações religiosas por que as de boa índole sempre propagam que a família é uma entidade sagrada, é uma organização instituída pelo próprio criador. Ela é insubstituível, antes de ser uma instituição social, humana, ela é querida por Deus.

 

ODV – Existe um modelo ideal de família?

Kons – Não, nós temos referências. Se eu fosse citar uma família ideal eu me reportaria a uma história, lembrando do carpinteiro José, da sua esposa Maria e de Jesus, certamente o acalanto, a ternura, o respeito, a obediência, a criação e a educação deste menino que veio a mudar tão intensamente a vida de todos nós. Mas a família está posta, evidentemente que temos mães que criam seus filhos com dificuldade, temos pais que estão sozinhos, mas a família estabelecida é certamente o pai, a mãe e seus filhos. Ela está no contexto de geração da vida, e onde não temos a participação de um homem e uma mulher a vida não pode ser gerada.

 

ODV – Qual o papel da mulher e do homem na família?

Kons – A mulher tem aquilo que é inerente a ela, é mãe, gera a vida, por nove meses gesta a vida e depois, tudo que é próprio dela. É uma pergunta óbvia, mas é através dela que nos é dado um novo ser. O homem tem historicamente a função do grande provedor, mas hoje isso está muito mais compartilhado.

 

ODV – O que o senhor pensa das novas configurações de família?

Kons – São seres que se unem com liberdade, se eles fazem essa opção, tudo bem. Agora não se pode querer equiparar eles com a família tradicional, que se deem outro nome, que se fale em união civil. Eu não tenho absolutamente nada contra, o cuidado que temos que ter é o de desvalidar uma instituição que vem de antes.

 

PROGRAMA OFICIAL DA SEMANA DA FAMÍLIA

I.Início da Semana da Família de Brusque 2014

15 de maio de 2014 (quinta-feira) – Dia Internacional da Família

Abertura

23 de maio (sexta-feira) – 18h30min, no Anfiteatro da Unifebe (Centro).

II. Seminário O INÍCIO DA VIDA – Uma reflexão acerca do papel da Mulher e da Família no Processo do Nascimento e da Formação de um Filho: porque os nossos filhos aprendem o que vivenciam!

 

1. Lançamento do Projeto AMIGA de Prevenção à Gravidez na Adolescência – iniciativa da Ação Social Paroquial São Luiz Gonzaga.

2. Palestra Como a vida deve ser Gerada, Gestada e Recebida! A Atenção dos Pais no Início da Vida dos Filhos – com Sara HelenaDadam – Psicóloga e Gerontóloga, especialista e educadora na área perinatal, doula, habilitada com a técnica terapêutica Anatheóresis – Espanha, mestre em Desenvolvimento Humano – Portugal. Fundadora da Equipe Nascendo em Família – Assistência e Apoio ao Nascimento Natural, Humanizado Hospitalar em Brusque e Balneário Camboriú.

3. Apresentação do filme O Renascimento do Parto.

4. Mesa Aberta com médico obstetra, doula/psicóloga, educadora perinatal, advogado, Instituto Catarinense Anjos do Peito e mulheres/comunidade

Organização: UNIFEBE e Gerando Novas Vidas – Centro de Referência à Família no Início da Vida.

III. SÁBADO NA PRAÇA – Nascer, Crescer e Adolescer em Família!

24 de maio – das 9h às 13h, na Praça Barão de Schneéburg.

Apresentação de vídeos, sonorização, orientação sobre gravidez precoce e assistência humanizada no processo do nascimento de um filho. Participação Instituto Anjos do Peito – Informação e Apoio à Amamentação. Práticas de yoga ao ar livre para gestantes. Distribuição de materiais da Semana da Família, do Projeto AMIGA, balões e brincadeiras para as crianças.

Participação: Projeto Amiga, Gerando Novas Vidas, Equipe Nascendo em Família, Instituto Catarinense Anjos do Peito, Unifebe e outros apoiadores.

IV. PARADA DA FAMÍLIA

25 de maio(domingo)

14h – Início da Concentração, com músicas, mensagens e distribuição de materiais

Local: Praça da Igreja Matriz São Luís Gonzaga (Centro de Brusque).

15h – Caminhada, da praça da Matriz ao Pavilhão de Eventos, ao som de canções e mensagens veiculadas pelo trio elétrico.

V. CELEBRAÇÃO DA FAMÍLIA, após a Parada da Família, às 15h55min, com leitura da palavra de Deus, reflexão, música, oração, louvor e bênção, oficiada pelos padres católicos e pastores evangélicos e com a participação especial do Quarteto Fonte Viva.

Local: Pavilhão de Eventos Maria Celina VidottoImhof (Fenarreco).

Nota: de 15 a 25 de maio, serão organizadas e realizadas atividades alusivas à Semana da Família por Órgãos Públicos, Escolas, Entidades Comunitárias, Empresas, Igrejas e outras organizações.

 

Publicado por Olhar do Vale

Avalie essa notícia

Os comentários serão analisados pelo editor do site e podem ser excluidos caso contenham conteúdo discriminatório, calunioso ou difamador. O nosso objetivo é promover a discussão de ideias entre os internautas. Esteja ciente que comentando aqui você assume responsabilidade pela sua opinião.