Unifebe Brusque Vargas Têxtil

Diretoria da ACIBr realiza reunião itinerante em Guabiruba

Com pauta de segurança pública, evento contou com a presença do delegado Alex Bonfim Reis;

Foto: Guédria Motta -

Foto: Guédria Motta –

Guabiruba – Na tarde desta segunda-feira, 31 de outubro, nas dependências do Gurmàn Selective Pub, em Guabiruba, foi realizada mais uma reunião itinerante de diretoria da Associação Empresarial de Brusque (ACIBr). Como o principal assunto em pauta era a segurança pública, o evento contou com a presença do delegado Alex Bonfim Reis.

“Falamos especificamente sobre um problema que atinge Brusque e Guabiruba, que são os furtos e roubos de carga. Nossa intenção é buscar uma alternativa e cabe à ACIBr pressionar os órgãos públicos, o Governo Estadual, o Governo Federal, enfim, pressionar todos os responsáveis pela segurança pública. Estamos em busca de mais efetivo, de alterações na legislação processual penal e de construções de mais presídios para acabar com a situação do ‘prende-solta’. Quando não se tem segurança pública, também não se tem desenvolvimento econômico. Não é possível deixar de produzir riqueza por falta de segurança”, destaca o presidente da ACIBr, Halisson Habitzreuter.

Para o delegado Alex Bonfim Reis a reunião com os empresários foi produtiva e, através dela, se tornou possível identificar as carências e necessidades do setor. “E lógico que a gente não consegue atender todos os apelos, em virtude de que a Polícia Civil tem limitações, mas é óbvio que, compreendendo cada ramo e suas peculiaridades, a gente consegue responder com mais eficiência. O contato é válido e sempre que chamados nós estaremos dispostos a comparecer, prestar as informações necessárias e contribuir da melhor forma possível”, avalia o delegado.

Segundo ele, ocorrências envolvendo furtos ou roubos de cargas acontecem com mais frequência na região devido ao fortalecimento e atuação de empresas têxteis. O crime, no entanto, provoca prejuízos consideráveis, já que não afeta apenas o empresário, mas também seus colaboradores, o comércio e a economia do município como um todo.

“O importante é que a ACIBr atua através de vias legais. Não se buscam soluções paliativas. O que se busca é, efetivamente, soluções duradouras, fixas e legalmente amparadas, através de contribuições oriundas de lei e provocação dos poderes responsáveis. Por isso, sempre que se fala em apoio à Polícia Civil, só tenho a agradecer”, ressalta Reis.

De acordo com a coordenadora do Núcleo Empresarial de Guabiruba, Luana Schumacher Vaz, as reuniões itinerantes da ACIBr no município são proveitosas e costumam reunir um número expressivo de empresários da cidade, ainda mais quando se trata de um assunto importante como a segurança pública. “É algo que prejudica nossas empresas. Então temos que cobrar e, por consequência, jamais receber esse tipo de mercadoria de origem duvidosa. Da mesma forma, somos convidados a olhar mais para o vizinho e estar atentos a qualquer movimentação estranha. É preciso estar vigilante para que o número de ocorrências aqui e na região desapareça”, pontua.

Associação Visite Guabiruba

Durante a reunião itinerante, a professora Rosemari Glatz, acompanhada pelo diretor de Turismo de Guabiruba, Sidnei Dematè, apresentou a Associação Visite Guabiruba (Avigua), planejada desde 2014, mas que iniciou as atividades de modo efetivo este ano.

“Buscamos inspiração no turismo do Rio Grande do Sul, São Paulo, Rio de Janeiro e Foz do Iguaçu. Mas o melhor exemplo veio aqui de pertinho, do município de Pomerode, que tem a descendência, cultura e costumes bastante parecidos com os nossos. Lá eles realizam eventos pontuais, mas que movimentam o turismo o ano inteiro e a intenção é desenvolver esse projeto também aqui”, explica Rosemari Glatz.

Em 2016 a Avigo já esteve presente em eventos como a Koloine Bier e a Biergarten Im Frühling, em Guabiruba. E, agora, a novidade é a 1ª WeihnachtsLichter. “Durante muito tempo foi tradição em Brusque e na região, vir até Guabiruba nos dias que antecediam o Natal para ver a iluminação nas casas. Queremos resgatar esse costume através de um concurso”, conta Rosemari.

A 1ª WeihnachtsLichter já está com inscrições abertas. Mais detalhes através do telefone (47) 3354-3081.

por Assessoria de Imprensa

Publicado por Olhar do Vale

Avalie essa notícia

Os comentários serão analisados pelo editor do site e podem ser excluidos caso contenham conteúdo discriminatório, calunioso ou difamador. O nosso objetivo é promover a discussão de ideias entre os internautas. Esteja ciente que comentando aqui você assume responsabilidade pela sua opinião.