Unifebe Vargas TEVAH

Mesmo em casa, Brusque perde para o Santos na Liga Ouro de Basquete

Equipe ainda não conquistou nenhuma vitória na competição;

Foto: divulgação -

Foto: divulgação –

Brusque – O Santos (AP) foi a Brusque enfrentar o time local e não teve dificuldade para sair de quadra com a vitória pelo placar de 68 a 59. O time amapaense não ficou em desvantagem em momento algum da partida, abriu distância ainda no primeiro quarto e não foi mais ameaçado.

Põe na conta: Essa foi a quarta vitória em nove partidas do Santos (AP) na Liga Ouro, retrospecto que o deixa na quarta posição na tabela de classificação. Já o Brusque continua sendo o lanterna e sem saber o que é vencer na competição, acumulando agora oito derrotas.

Cestinha: Luis Felipe anotou 21 pontos e comandou a produção ofensiva do Santos (AP). Durante os quase 32 minutos que permaneceu em quadra, o armador foi responsável por 18 arremessos da equipe e acertou nove, o que representa um aproveitamento de 50%.

Duplo-duplo: Além de Luis Felipe, quem também brilhou pelo time visitante foi o ala Luizinho, que anotou 18 pontos e pegou dez rebotes. Além disso, ele deu ainda quatro assistências e roubou três bolas. No total, teve 25 em eficiência, mais do que qualquer outro jogador do Santos (AP) na partida.

Máquina de rebotes: Esse índice de eficiência de Luizinho não foi o maior do duelo porque teve um jogador do outro lado que o superou nisso e registrou 26 nesta estatística. Trata-se do ala Durval, que anotou sete pontos ao converter só três dos dez arremessos que deu. Só que ele compensou isso com seis assistências, dois roubos de bola e, principalmente, com os impressionantes 24 rebotes que pegou.

Desde o começo: O Santos (AP) abriu o placar com uma cesta de Luizinho logo na primeira posse de bola. Em seguida, o Brusque empatou em um lance no qual Fernandão aproveitou um rebote ofensivo. Depois disso, o time amapaense engatou uma corrida de oito pontos consecutivos, assumiu de vez o controle da situação e não o deixou mais escapar.

Sem sustos: Depois de vencer o primeiro quarto por 25 a 12, o Santos (AP) continuou superior nos dois lados da quadra e chegou a abrir 21 de vantagem durante o período seguinte. Sem jogar a toalha, a equipe da casa buscou alguma reação e chegou a baixar a diferença para nove pontos em alguns momentos da segunda metade. Mas sempre que isso aconteceu, a resposta do outro lado veio de maneira imediata, jogando um balde de água fria no time catarinense.

E agora? As duas equipes terão o Joinville, fora de casa, como próximo compromisso na Liga Ouro. O jogo do Santos (AP) será já no sábado. O do Brusque, na terça-feira.

Publicado por Olhar do Vale

Avalie essa notícia

Os comentários serão analisados pelo editor do site e podem ser excluidos caso contenham conteúdo discriminatório, calunioso ou difamador. O nosso objetivo é promover a discussão de ideias entre os internautas. Esteja ciente que comentando aqui você assume responsabilidade pela sua opinião.