Unifebe Vargas

Brusque busca bons resultados na Supercopa Brasil de Basquete

Jogando em casa, equipe encara grandes adversários logo na primeira fase;

Foto: Sidney Silva -

Foto: Sidney Silva –

Brusque – A Supercopa Brasil de Basquete inicia nesta terça-feira (14) e reúne campeões regionais de todo o Brasil. São oito clubes brigando pelo título que vale vaga na Copa Ouro de Basquete. Serão 20 jogos na Arena Brusque com a final disputada no sábado (18). O time da casa estreia nesta terça, às 20h30, contra a equipe do Facisa, da Paraíba.

A AD Brusque/FME/Unifebe/A Italianinha é a única equipe catarinense do torneio. A última competição disputada pelo time foi a Taça FCB que terminou com título brusquense. Para brigar por mais um troféu o clube conta com três reforços em relação ao elenco campeão da Taça FCB: Ivo, que não jogou o torneio por causa de uma caxumba já está liberado para atuar. Val, que estava na Seleção Brasileira Universitária retornou à Brusque. Além disso, uma nova contratação, Rodrigo Vulcão, pivô vindo da equipe de Rio do Sul. A única baixa para a Supercopa é Olavo que ainda não se recuperou completamente de uma lesão nas costas.

O coordenador da AD Brusque, Zurico Frota, afirma que o time entra na competição com uma boa perspectiva. “Apostamos na base da equipe campeã na Taça FCB para mais este torneio. Este elenco já se mostrou forte e ainda temos dois retornos e uma contratação para nos reforçar. Por outro lado, a competição é muito difícil e nossos adversários são qualificados demais”.

Os oito clubes estão divididos em dois grupos. Dentro de suas chaves todos jogam contra todos em turno único e os dois primeiros avançam às semifinais. Os outros times jogam para decidir as quatro últimas posições do torneio. Os perdedores das semifinais se enfrentam na disputa do terceiro lugar.

Os grupos estão separados assim:

Grupo “A”

AD Brusque/FME/Unifebe/A Italianinha (SC), Botafogo (RJ), Círculo Militar (PR) e Facisa Basquete (PB)

Grupo “B”

América/UNIRP/Rodobens (SP), Clube Vizinhança (DF), Ponta Grossa/CCR Rodonorte (PR) e Santos Futebol Clube (AP)

Zurico destacou a força do Santos (AP) e do Facisa (PB). “As equipes do Norte e Nordeste que antigamente eram muito caseiras e tinham poucos atletas de fora agora também têm jogadores de outros locais do Brasil. Desta forma, aprimoraram seus elencos e devem brigar bem na competição”. O coordenador ainda elogiou o Botafogo (RJ). “Uma equipe forte e tradicional, camisa muito pesada”.

Os dois times paranaenses também preocupam a Zurico. “O Círculo Militar é muito forte e o Ponta Grossa vem como bicampeão da Copa Brasil Sul”. Por fim, o coordenador da AD Brusque falou sobre o América (SP). “Uma equipe tradicionalmente forte que agora trouxe dois jogadores dos Estados Unidos para deixar o time ainda mais competitivo”.

Tabela da Supercopa Brasil

1ª rodada – Dia 14 de junho

14h00 – Santos (AP) x Ponta Grossa (PR)

16h00 – América (SP) x Vizinhança (DF)

18h00 – Botafogo (RJ) x Círculo Militar (PR)

20h30 – Brusque (SC) x FACISA (PB)

2ª rodada – Dia 15 de junho

14h00 – Ponta Grossa (PR) x Vizinhança (DF)

16h00 – FACISA (PB) x Botafogo (RJ)

18h00 – Santos (AP) x América (SP)

20h00 – Círculo Militar (PR) x Brusque (SC)

3ª rodada – Dia 16 de junho

14h00 – Círculo Militar (PR) x FACISA (PB)

16h00 – Vizinhança (DF) x Santos (AP)

18h00 – América (SP) x Ponta Grossa (PR)

18h30 – Brusque (SC) x Botafogo (RJ)

Dia 17 de junho

Disputa de 5º ao 8º lugares

4º A x 3º B (14h) e 4º B x 3º A (16h)

Fase Semifinal

1º A x 2º B (18h) e 1º B x 2º A (20h)

Rodada Final – Dia 18 de junho

10h30 – Disputa de 7º e 8º lugares

13h30 – Disputa de 5º e 6º lugares

15h30 – Disputa da medalha de bronze

17h30 – Disputa da medalha de ouro

por Assessoria de Imprensa

Publicado por Olhar do Vale

Avalie essa notícia

Os comentários serão analisados pelo editor do site e podem ser excluidos caso contenham conteúdo discriminatório, calunioso ou difamador. O nosso objetivo é promover a discussão de ideias entre os internautas. Esteja ciente que comentando aqui você assume responsabilidade pela sua opinião.