Unifebe Brusque Vargas Têxtil

Diretora da EEB João Boos organiza mutirão com alunos e professores

Todos se sentiram motivados a melhorar o espaço escolar, afirmou diretora recém-eleita;

Foto: Wilson Schmidt Junior -

Foto: Wilson Schmidt Junior –

Guabiruba – Eleita no final de 2015, durante o primeiro pleito de diretores da rede pública catarinense de ensino, Rosinei Ana Cugik dos Reis tem um grande trabalho pela frente: gerir a Escola de Educação Básica Professor João Boos. O educandário localizado no coração de Guabiruba já é possuidor de certa fama, porém, grande parte dela se dá pelo descaso do poder público que, há vários anos, promete e não cumpre uma reforma ou, até mesmo, a construção de uma nova sede. Goteiras, pichações, estruturas antigas… E vários projetos engavetados. Tudo isso faz parte do João Boss que Rosi terá de administrar nos próximos quatro anos.

Acontece que ela e todo o seu corpo de trabalho tomou uma decisão: não esperar pela boa vontade das autoridades políticas competentes para tornar o ambiente de trabalho e – diga-se de passagem – o de estudo de centenas de jovens, mais confortável e digno. Rosi, então, mobilizou professores e voluntários dentro da escola para fazerem um verdadeiro mutirão. “Os professores conseguiram juntos com pessoas da comunidade doações de tintas e pinceis e os alunos, principalmente dos terceirões, fizeram a pintura e algumas limpezas”, afirmou Cugik.

Engajamento

A aceitação foi grande. De acordo com a diretora Rosi, todos os envolvidos ficaram bem motivados. Orgulhar-se da escola onde estudam foi o lema escolhido pela eleita, a fim de engajar alunos e professores no voluntariado. Nesta ótica, trabalhar valores também é um grande objetivo dos educadores. “Pensamos em conjunto com os professores que a escola não se constrói só nas paredes. E sim, também com os valores que todos trazemos de casa. Esses valores envolvem a questão de gostar do lugar em que se está. A escola é a segunda casa de todos e precisamos dar valor a este espaço para, juntos fazermos um resgate deste ambiente”, complementou.

Agradecimento

A diretora não poupou elogios aos alunos e professores envolvidos no mutirão. Também agradeceu aos pais, empresários e pessoas da comunidade que contribuíram como puderam. Interessados em ajudar de qualquer forma podem procurar o colégio.

por Wilson Schmidt Junior

Publicado por Olhar do Vale

Avalie essa notícia

Os comentários serão analisados pelo editor do site e podem ser excluidos caso contenham conteúdo discriminatório, calunioso ou difamador. O nosso objetivo é promover a discussão de ideias entre os internautas. Esteja ciente que comentando aqui você assume responsabilidade pela sua opinião.