Unifebe Vargas Câmara

Bancários terminam satisfeitos a greve em Brusque e região

Categoria conseguiu reajuste e contratação de mais servidores

DSCF1023

Funcionário retira faixa de “estamos em greve” da parede da Caixa Econômica Federal
Foto: Portal ODV

Terminou na manhã desta terça-feira (7) a paralisação dos bancários de Brusque e toda região, comporta por servidores de Nova Trento, São João Batista, Guabiruba e Tijucas. A greve teve fim, após cerca de uma semana na interrupção dos serviços aos clientes. Os colaboradores da Caixa Econômica Federal (CEF) e do Banco do Brasil (BB) dessas cidades reivindicavam 12% de reajuste salarial, além da contratação de mais de 10 mil novos funcionários, visando a melhoria do atendimento.

De acordo com Mário Luiz Dada, o saldo de toda a greve acabou sendo positivo, mesmo com as reivindicações não sendo atendidas da maneira como foram exigidas. Os bancários acabaram conseguindo 8,5% de reajuste salarial, o que representa um percentual real de 2,02%, de acordo com o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC). Além disso, cerca de quatro mil funcionários serão contratados nas agências da CEF e do BB.

A greve durou exatamente cinco dias e costuma ocorrer todos os anos, entre setembro e outubro. Alguns consideram a paralisação “sazonal”. Tão logo a decisão foi tomada nesta manhã, as placas de “greve” foram arrancadas das paredes da Caixa, no Centro, em Brusque. Apesar de o atendimento demorar um pouco para se normalizar, isto ocorreu depois de cerca de uma hora e meia.

DSCF1019

Reunião antecipou decisão
Foto: Portal ODV

Publicado por Olhar do Vale

Avalie essa notícia

Os comentários serão analisados pelo editor do site e podem ser excluidos caso contenham conteúdo discriminatório, calunioso ou difamador. O nosso objetivo é promover a discussão de ideias entre os internautas. Esteja ciente que comentando aqui você assume responsabilidade pela sua opinião.