Unifebe Vargas Câmara

Espetáculo teatral “A Ilha Deserta” será apresentado na Fundação Cultural de Guabiruba

Sessão que aconteceria no colégio João Boos foi transferida para a Fundação Cultural. Evento será nesta sexta, 22, às 20h30. Entrada é gratuita;

Foto: José Luiz Silva -

Foto: José Luiz Silva –

Guabiruba – A apresentação do espetáculo teatral “A Ilha Deserta”, da Cia Híbridos de Teatro, foi transferida do Colégio Estadual Professor João Boos para a Fundação Cultural de Guabiruba. O evento será nesta sexta-feira, 22 de julho, às 20h30. A entrada é gratuita, aberta ao público, e a classificação indicativa, livre. “A Ilha Deserta” está entre os projetos culturais contemplados este ano com recursos do Fundo Municipal de Apoio à Cultura (Edital no 001/2016) da Prefeitura de Guabiruba, por meio da Fundação Cultural e do Conselho de Cultura municipais.

Até o fim de outubro, a Cia Híbridos fará outras cinco apresentações do espetáculo à comunidade guabirubense. Cada sessão representa para o elenco uma inédita experiência de levar à fruição popular a montagem adaptada do texto escrito pelo argentino Roberto Arlt, conforme destaca Jenifer Schlindwein, guabirubense e atriz da companhia teatral.

“Na peça, o violento contraste entre a imobilidade rotineira, burocrática, física e mental do ambiente de trabalho e a vista que se vislumbra do décimo andar onde se passa a trama – de onde é possível enxergar o sol, o horizonte, o mar e, principalmente, os navios que chegam e partem – provoca uma pequena revolução”, adianta a artista. A direção do espetáculo “A Ilha Deserta” ficou a cargo do diretor e professor de Teatro Silvio José da Luz.

Luciano Mafra assina a cenografia e Giba de Oliveira, a iluminação. Os atores e as atrizes escaladas para as apresentações em Guabiruba são profissionais de diferentes áreas do saber, todos com vivência e experiência no campo das Artes Cênicas. Híbridos – A Cia Híbridos de Teatro e Produções Artísticas, formada principalmente por alunos oriundos do curso de teatro da Fundação Cultural de Brusque, nasceu em agosto de 2015, em Brusque (SC), sob a orientação de Silvio José da Luz.

No mesmo ano, seus integrantes participaram do Projeto “Dramaturgia – Leituras em Cena”, do SESC, oportunidade em que o elenco conheceu e começou a trabalhar com o texto A Ilha Deserta, atividade que inspirou a montagem do espetáculo homônimo que passa agora a circular por Guabiruba.

Serviço:

O quê: espetáculo teatral “A Ilha Deserta”

Quando: 22 de julho de 2016 

Horário: 20h30min;

Onde: Fundação Cultural de Guabiruba (Rua Dez de Junho, 90, Guabiruba);

Entrada: gratuita, aberta à comunidade;

Classificação indicativa: livre Fonte para entrevistas: Jenifer Schlindwein (47) 9293-3269 (à tarde).

por Assessoria de Imprensa

Publicado por Olhar do Vale

Avalie essa notícia

Os comentários serão analisados pelo editor do site e podem ser excluidos caso contenham conteúdo discriminatório, calunioso ou difamador. O nosso objetivo é promover a discussão de ideias entre os internautas. Esteja ciente que comentando aqui você assume responsabilidade pela sua opinião.