Unifebe Brusque Vargas Têxtil

Domingo teve segundo dia de ensaios do espetáculo Paixão e Morte de Um Homem Livre 2017

Segundo dia de ensaios do espetáculo Paixão e Morte de Um Homem Livre 2017 focou nas cenas 16 a 30;

Foto: divulgação -

Foto: divulgação –

Guabiruba – A chuva que caiu na da tarde deste domingo, 12 de março, em Guabiruba, fez com que o segundo dia de ensaios do Espetáculo Paixão e Morte de Um Homem Livre ocorresse, em parte, no Salão da Igreja São Cristóvão, no bairro Aymoré, em Guabiruba.

Por questões técnicas, os palcos tiveram que ser deixados logo na segunda hora de ensaios, e todo som foi religado nas instalações do Salão, para dar sequência aos trabalhos em torno das cenas 16 a 30. Somente a partir das 16 horas os atores voltaram a ensaiar nos cerca de 800 metros quadrados de palco, após a chuva cessar.

Neste domingo, participaram dos ensaios apenas os atores escalados para esta segunda parte da peça. O primeiro ensaio do espetáculo aconteceu no dia 5 de março, momento em que foram repassadas as cenas de 1 a 15. Já no dia 18, reúnem-se no palco todos os participantes da edição do Paixão e Morte de Um Homem Livre deste ano, totalizando cerca de 400 atores voluntários.

Equipes que garantem brilho ao espetáculo

Cada edição do espetáculo só é possível acontecer com a participação dos atores e também de dezenas de pessoas que atuam nos bastidores da peça. Elas são responsáveis por diversas equipes, que garantem, por exemplo, o bem-estar dos atores envolvidos; a disposição dos elementos no palco, em cada cena; a maquiagem que dá característica a cada personagem; o figurino da época, feito através de um trabalho de muita pesquisa e dedicação; entre diversas outras funções.

Dalvan Aflen é responsável, ao lado de Marcio Albino, pela equipe de Bem-Estar. Aflen já participou da equipe na edição de 2015 e garante que o principal desafio é atender de forma rápida a demanda nos ensaios mais longos, em que as refeições são realizadas com cardápio mais reforçado aos atores. “Geralmente no último domingo de ensaio, que é o Domingo de Ramos, os atores ficam por mais horas, e tentamos dar agilidade na reposição dos lanches que são oferecidos para atender a todos que se doam para que o espetáculo aconteça”, comenta.

Fazem parte da equipe de Bem-Estar seis pessoas, e nos dias de apresentações, mais quatro pessoas auxiliam nos trabalhos. Além das refeições disponibilizadas nos ensaios, a equipe também é responsável pelos alimentos especiais que compõem algumas cenas. “Nesses pratos específicos, contamos com o apoio de pessoas da comunidade, que fazem o preparo e garantem que a cena aconteça tendo todos os elementos necessários”, frisa Dalvan.

Vendelino Erthal atua desde a edição de 2005 na equipe de Contrarregras. Neste ano, ele divide a responsabilidade da coordenação com João Francisco Kormann e Anderson Seubert. Além dos três, mais quatro pessoas atuam na equipe, que é responsável pela troca de todos os cenários e dos mais de 200 objetos utilizados nas cenas, e que precisam estar na hora e no local exato para que o espetáculo ocorra sem atropelos.

“Nosso objetivo é fazer este trabalho sem que o público perceba. Enquanto acontece uma cena em determinado ponto do palco, estamos em outro ponto realizando as trocas de cenário e colocando os objetos em seus devidos lugares”, conta Vendelino.

Os ensaios realizados a cada domingo são muito importantes para a equipe, que cronometra o tempo de cada cena. Com isso, consegue estabelecer os minutos e segundos que os contrarregras terão para fazer as trocas dos cenários. A equipe é a primeira a subir no palco e a última a deixar o local, já que faz a montagem dos cenários e depois, a desmontagem. “O mesmo cenário do nascimento de Jesus será transformado em carpintaria mais tarde. Então já sabemos que teremos um minuto e oito segundos para realizar a troca dos elementos, antes da cena começar”, complementa.

Os contrarregras atuam em sintonia com a equipe de Cenografia. Neste ano, duas pessoas da equipe são novatas, e aproveitam a expertise dos outros cinco integrantes para dar conta dessa grande responsabilidade. “A maior gratificação da equipe é que temos contato com todos os atores, já que os objetos em cena passam por nossas mãos. E pessoalmente, é gratificante fazer parte de um espetáculo como este, que tem o grande intuito de evangelizar”, completa Vendelino.

Ingressos

A venda dos ingressos para assistir ao espetáculo deste ano começaram no dia 7 de março. A compra pode ser feita em 13 pontos de distribuição. Em Guabiruba no Mercado Bom Dia (Lageado Baixo), Mercado Baron (São Pedro), Mercado Rothermel (Guabiruba Sul), Mercado Kohler (Aymoré), Secretaria da Igreja Matriz de Guabiruba (Centro) e na Fundação Cultural. Em Brusque a venda de ingressos será na Loja WJ (Centro) e na Secretaria da Paróquia São Luís Gonzaga. Há, ainda, ingressos disponíveis em todas as unidades do Supermercado Carol, em Guabiruba, Brusque, Nova Trento e Blumenau.

Além disso, todos os atores voluntários também estarão com ingressos disponíveis e ainda é possível reservar seu ingresso através da página do Espetáculo Paixão e Morte de Um Homem Livre no Facebook ou através do site www.aacsp.com.br. São esperadas oito mil pessoas nas duas edições do espetáculo em 2017.

O ingresso custa R$ 10 e a meia entrada, R$ 5, destinada para crianças até sete anos, estudantes (com a apresentação de carteirinha) e idosos. Pessoas portadoras de necessidades especiais podem retirar seu ingresso sem custo, nos pontos de vendas. As entradas têm cores diferentes e, por essa razão, é preciso informar no ato da compra qual dia se pretende prestigiar o evento: dia 13 de abril, às 21h ou dia 14 de abril, às 19h30.

Mais informações pelo telefone: (47) 99137-4740 ou (47) 99971-2699.

Serviço

Espetáculo Paixão e Morte de Um Homem Livre

Apresentações: 13/04 às 21h e 14/04 às 19h30

Ingressos R$ 10 inteira e R$ 5 meia (crianças até sete anos, estudantes com a apresentação de carteirinha e idosos.

Pessoas portadoras de necessidades especiais podem retirar seu ingresso sem custo, nos pontos de vendas.

Pontos de Venda dos Ingressos:

Guabiruba

Mercado Bom Dia (Lageado Baixo);

Mercado Baron (São Pedro);

Mercado Rothermel (Guabiruba Sul);

Mercado Kohler (Aymoré);

Secretaria da Igreja Matriz de Guabiruba (Centro);

Fundação Cultural;

Supermercado Carol.

Brusque

Loja WJ (Centro);

Secretaria da Paróquia São Luís Gonzaga;

Secretaria Santuário de Azambuja;

Supermercado Carol.

Nova Trento

Supermercado Carol.

Blumenau

Supermercado Carol.

por Assessoria de Imprensa

Publicado por Olhar do Vale

Avalie essa notícia

Os comentários serão analisados pelo editor do site e podem ser excluidos caso contenham conteúdo discriminatório, calunioso ou difamador. O nosso objetivo é promover a discussão de ideias entre os internautas. Esteja ciente que comentando aqui você assume responsabilidade pela sua opinião.