Unifebe Vargas Câmara

Artistas lançam o espetáculo Escutaqui e anunciam data da estreia em Guabiruba

O espetáculo teatral “Escutaqui” foi oficialmente lançado na última sexta-feira, 6, na Fundação Cultural de Guabiruba. Convidados do meio artístico-cultural, representantes do governo e da imprensa prestigiaram o evento. Proposto pela atriz e estudante de Teatro Jenifer Schlindwein, o projeto foi contemplado com recursos do V Fundo Municipal de Apoio à Cultura do município.
Em Escutaqui, o casal de idosos Trude (Jenifer Schlindwein) e Rubens (Luís Gustavo Brusque), embalados pelas ondas do rádio – elemento de destaque no enredo da peça -, viajam no tempo ao contemplar um velho álbum de fotografias. Em cada imagem, registros marcantes de suas próprias vidas são permeados e confundem-se com momentos históricos de Guabiruba. A direção do espetáculo é da também atriz, cantora, produtora e diretora teatral Jéssica Marta Dornelles.
Na noite de lançamento, Jenifer falou sobre o processo criativo e a história que Escutaqui se propõe a contar ao público: “Um tema que a gente abraçou foi a questão do idoso. Trude e Rubens mergulham em lembranças do passado deles, muito vivo aqui na cultura da cidade de Guabiruba, como a enchente, a eleição do primeiro prefeito, a domingueira, onde se divertiam aos finais de semana, e também os jogos comunitários. A realidade hoje em dia é bem diferente, porém, essas histórias vão passando de geração em geração e é isso que queremos frisar, o que se passou no início da fundação de Guabiruba”, afirma a atriz. Ela comentou também sobre as razões que a levaram a executar o trabalho: “A motivação maior foi eu morar aqui e ver o quão rico e prazeroso é o material que temos à disposição, com essas pessoas que vivem o cotidiano guabirubense. O sotaque, que é muito forte, e outras pequenas motivações foram aglomerando, além da vontade de fomentar teatro aqui na cidade, mostrar ao público o que temos de bom e trabalhar a questão do idoso, em que lugar eles estão na sociedade, pois com certeza eles têm muito a nos contar e ensinar”, complementou a artista.
“O processo de construção desse texto se deu, primeiramente, através das entrevistas que a gente realizou, da busca por histórias e lembranças de moradores idosos de Guabiruba. Queríamos que a peça fosse um reflexo da realidade”, salienta Vitor Hochsprung, poeta e estudante de Letras que assina a dramaturgia de Escutaqui. “Também utilizamos memórias da própria proponente e construímos o texto em equipe”, acrescentou.
Livre para todas as idades, Escutaqui já tem estreia marcada: será dia 30 de outubro, às 20h, na Escola de Educação Básica Professor João Boos, no Centro de Guabiruba. Outras duas apresentações serão anunciadas em novembro. Todas as sessões são gratuitas.
SINOPSE
Em uma cidadezinha do interior, o cheiro da chuva e do mato ainda aguçam os sentidos. O rádio está ligado. Aqui, vive um típico casal de idosos. Juntos, colecionam sentimentos e muitas histórias escondidas nas páginas de um álbum de fotografias. “Escutaqui” pretende levar o público ao passado-presente muito vivo no cotidiano. Contemplado com trejeitos, costumes e dizeres locais, a atmosfera cômica permanece com força nas entrelinhas do texto e na poesia das ações. Um espetáculo que convida a plateia a refletir: o que devemos realmente escutar e o que devemos simplesmente ouvir?
FICHA TÉCNICA
Direção: Jéssica Marta Dornelles I Dramaturgia: Vitor Hochsprung I Elenco: Jenifer Schlindwein e Luís Gustavo Brusque I Material gráfico e Identidade visual: José Luiz Day
ESTREIA “Escutaqui”
30/10 – 20h – Escola de Educação Básica Professor João Boos.
FONTE PARA ENTREVISTAS EM GUABIRUBA E REGIÃO 
Jenifer Schlindwein – (47) 99293-3269
OUTRAS INFORMAÇÕES – facebook.com/TeatroEscutaqui/

Publicado por Olhar do Vale

Avalie essa notícia

Os comentários serão analisados pelo editor do site e podem ser excluidos caso contenham conteúdo discriminatório, calunioso ou difamador. O nosso objetivo é promover a discussão de ideias entre os internautas. Esteja ciente que comentando aqui você assume responsabilidade pela sua opinião.